Segundona: Após derrota no Dérbi de Catanduva, técnico pede demissão do Catanduvense

"Nos dois jogos anteriores, eu já tinha pedido para sair, mas aceitei mais uma vez o pedido do presidente Alemão e continuei", disse

Publicado em .

"Nos dois jogos anteriores, eu já tinha pedido para sair, mas aceitei mais uma vez o pedido do presidente Alemão e continuei", disse

Catanduva, SP, 04 (AFI) - Após a derrota no Dérbi de Catanduva para o Catanduva pela décima rodada da primeira fase do Campeonato Paulista da Segunda Divisão, o técnico Sérgio Caetano pediu demissão do Catanduvense. O acordo entre as parte aconteceu na tarde desta terça-feira.

Sérgio Caetano
Sérgio Caetano
O auxiliar Manoel Fernando deve ficar até o final do Grupo 2. No momento, o Bruxo é sexto colocado com oito pontos, cinco abaixo de Inter de Bebedouro e Catanduva, que fecham o G4.

O preparador físico Ivan Canelas egue na comissão técnica do clube.

"Na verdade, nos dois jogos anteriores, eu já tinha pedido para sair, mas aceitei mais uma vez o pedido do presidente Alemão e continuei. No entanto, após a derrota para o Catanduva, eu achei melhor deixar o time. Agradeço pela oportunidade e torço para os profissionais que vão assumir a agremiação, espero que sejam felizes", disse o comandnate.