Treinador do Goiás alerta sobre importância de fazer o "dever de casa"

No único jogo que fez como mandante neste Brasileirão, o Verdão perdeu para o São Paulo, por 2 a 1

Publicado em .

No único jogo que fez como mandante neste Brasileirão, o Verdão perdeu para o São Paulo, por 2 a 1

Goiânia, GO, 10 (AFI) - Fazer o dever de casa é essencial para que o Goiás consiga o seu principal objetivo no Campeonato Brasileiro que é permanecer na elite. No primeiro encontro com a torcida, derrota para o São Paulo, por 2 a 1. Neste sábado, o time tem a chance de se redimir.

Com os três pontos conquistados na estreia, quando bateu o Fluminense, por 1 a 0, no Rio de Janeiro, o Goiás recebe o Ceará, às 21 horas, no Serra Dourada, pela quarta rodada. O técnico Claudinei Oliveira nem pensa em um novo tropeço como mandante.

O técnico Claudinei Oliveira destacou a importância do Goiás em fazer o dever de casa
O técnico Claudinei Oliveira destacou a importância do Goiás em fazer o dever de casa
"Em casa, temos que procurar pontuar, se possível com vitórias. A gente vê o histórico do campeonato e as equipes que são boas mandantes passam um campeonato tranquilo. Se tropeça em casa, fica obrigado a ganhar fora, o que não é o cenário mais favorável", comentou Claudinei Oliveira.

SÓ UMA MUDANÇA
Apesar da derrota para o Cruzeiro, por 2 a 1, no Mineirão, o treinador gostou da apresentação do Goiás e tinha a ideia de manter o time, mas vai ser forçado a fazer uma alteração.

Expulso, o meia Giovanni Augusto cumpre suspensão automática e dá lugar para Marlone, que foi titular durante o Campeonato Goiano.

O provável Goiás para esse jogo é: Tadeu; Daniel Guedes, David Duarte, Yago e Jefferson; Geovane, Léo Sena e Marlone; Michael, Kayke e Leandro Barcia.