Só no FI: Time da Série C do Brasileiro conquista acesso no futebol Gaúcho

A outra vaga será decidida no domingo, na cidade de Bento Gonçalves, entre Esportivo e Guarani de Venâncio Aires

Publicado em .

O futebol gaúcho conheceu na noite dessa quarta-feira seu novo integrante da primeira divisão de 2020

Porto Alegre, RS, 09 (AFI) - O futebol gaúcho conheceu na noite dessa quarta-feira seu novo integrante da primeira divisão de 2020. É o Ypiranga de Erechin, que conquistou a vaga em cima do Glória de Vacaria. A outra vaga será decidida no domingo, na cidade de Bento Gonçalves, entre Esportivo e Guarani de Venâncio Aires.

YPIRANGA VOLTA À PRIMEIRA DIVISÃO DE FORMA EMOCIONANTE

O acesso do Ypiranga foi emocionante, tendo conquistado a vaga na cobrança de pênaltis contra o Glória, jogando em Vacaria. Apesar de estar na Divisão de Acesso nos últimos dois anos, o Ypiranga tem um calendário positivo e vem disputando o Campeonato Brasileiro da Série C e já no domingo enfrentará o São José, em seu campo.

No primeiro jogo dessa semifinal, disputado em Erechim, o Ypiranga foi surpreendido e perdeu por 1 a 0. Na partida de volta, disputada na noite dessa quarta-feira, em Vacaria, o Ypiranga revertendo a vantagem em cima do Glória e venceu também por 1 a 0, gol marcado por Jackson.

Esse resultado fez a decisão ir para os pênaltis e o Ypiranga venceu por 4 a 2, sacramento seu acesso.

O Ypiranga tem como treinador Fabiano Daitx que vinha comandando o Avenida, tendo passado de fase na Copa do Brasil em cima do Guarani e depois eliminado pelo Corinthias, mas que acabou rebaixado no Campeonato Gaúcho.

Fabiano Daitx leva Ypiranga ao aceso
Fabiano Daitx leva Ypiranga ao aceso
SEGUNDA VAGA DO ACESSO SAI NO DOMINGO ENTRE ESPORTIVO X GUARANI

A segunda vaga do acesso sairá no domingo, na partida entre Esportivo x Guarani de Venâncio Aires, às 16 horas, no estádio Montanha dos Vinhedos, em Bento Gonçalves.

No primeiro jogo, disputado em Venâncio Aires, o Esportivo venceu por 2 a 1 e joga por um empate para conquistar o acesso.

CAMPEONATO GAÚCHO DE ACESSO É UM FRACASSO

Diferente de até anos atrás, os campeonatos no Rio Grande do Sul tem sido um fracasso de qualidade técnica e de público e hoje, dos Estados da Região Sul do Brasil é o mais desinteressante, ficando atrás de Santa Catarina e do Paraná.

Com uma Federação preocupada mais em fazer uma política adesista à CBF priorizando os times grandes do Estado, a Divisão de Acesso do Campeonato Gaúcho (equivalente a A2 em São Paulo) teve pouco mais de dois meses de duração com a presença de 16 equipes.

Mesmo contando com times tradicionais do interior do Rio Grande do Sul, a competição foi um fracasso a ponto das duas primeiras partidas da fase decisiva para o acesso terem, somadas, menos de 800 pagantes.

Foram rebaixadas para a Segunda Divisão Gaúcha (equivalente a A3 em São Paulo) o São Borja e o Grêmio de Farropilha.