CANDANGÃO: Com vantagem, Gama busca terceiro título sobre o Brasiliense

Nas outras vezes em que os times se enfrentaram em finais, o Jacaré venceu em três oportunidades e Periquito em duas

Publicado em .

Nas outras vezes em que os times se enfrentaram em finais, o Jacaré venceu em três oportunidades e Periquito em duas

Brasília, 19. 04 (AFI) O campeão do Candangão 2019 será conhecido neste sábado, no estádio Nacional Mané Garrincha, no Plano Piloto da Capital do Brasil. Brasiliense e Gama farão o jogo da volta das finais, na sexta vez em que as duas equipes disputam título. Foram três vitórias do Jacaré e duas do time gamense.

No jogo de ida o Gama venceu por 3 a 1 e abriu uma vantagem de poder até perder por um gol de diferença para ser campeão pela 12ª vez no Distrito Federal. Ao Brasiliense resta vencer por dois gols de diferença para levar a decisão para penalidades máximas. Ou então, vencer por três gols de diferença e ser campeão direto. Seria então seu 10º título candango.

Gama e Brasiliense chegaram às finais do Candangão, depois de realizarem as duas melhores campanhas da competição. O Gama teve o melhor desempenho e o Brasiliense ficou na segunda posição. O Gama defende uma invencibilidade de 16 jogos sem perder, com 14 vitórias e dois empates.

HISTÓRICO DOS CONFRONTOS
Gama e Brasiliense já se enfrentaram por 58 oportunidades. Foram até aqui 20 vitórias do Brasiliense, 18 vitórias do Gama e aconteceram 20 empates. Foram marcados 128 gols, com o Brasiliense fazendo 69 gols e o Gama 59.

O Brasiliense precisa vencer por dois gols de diferença para levar a decisão para penalidades máximas. Nos 58, o Jacaré venceu por seis vezes por dois gols de diferença. Para ser campeão direto, o jacaré precisa vencer por três gols de diferença. Nos 58 confrontos entre ambos, o Brasiliense venceu por três de diferença em quatro oportunidades.

BRASILIENSE TEM TRÊS RETORNOS E UM DESFALQUE
Depois do susto em que 13 jogadores do elenco seriam julgados pela confusão frente ao Paracatu, mas o tribunal adiou o julgamento, o técnico Ricardo Antonio tem os retornos do goleiro Edmar Sucuri, do zagueiro Lúcio e o volante Radamés que cumpriram suspensão. Quem está de fora da final é o volante Geovane, suspenso pelo terceiro cartão amarelo.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação
O comandante do Brasiliense tem dois títulos candangos quando dirigia o Paracatu. Ele tem trabalhado o lado psicológico de seu elenco. A preocupação do treinador está com relação da presença ou não do volante Aldo. Já o meia Morais pode ser a surpresa no meio de campo.

Ricardo Antonio comentou que: “é o encontro dos maiores clubes de Brasília. Temos que estar prontos para buscar reverter a vantagem deles. Nosso elenco tem qualidade e jogadores experientes que podem nos ajudar a buscar este título”, disse o comandante do Brasiliense.

GAMA COMPLETO PARA A BUSCA DO 12º TÍTULO DO DF
Os comandados do técnico Vilson Tadei estão há 90 minutos de poderem comemorar mais um título candango. Para tanto, basta não perder para o Brasiliense por dois ou mais gols de diferença.

Vilson Tadei conta com todo o elenco à disposição, inclusive com o volante Thiago Gaúcho que deve ficar como opção no banco de reservas. A tendência é que a equipe que iniciou o primeiro confronto frente ao Brasiliense seja mantida.

Vilson Tadei disse que: “temos que controlar a euforia da torcida. Estarmos concentrados no jogo pois o Brasiliense é um time experiente e eles virão com tudo para reverter o placar que é a nosso favor”, disse o comandante gamense.

TRANSMISSÃO DA PARTIDA
O Timaço Show de Bola da Rádio DF10 abrirá sua jornada a partir das 15 horas deste sábado. A ancoragem será de Fábio Santos, com reportagens de Marlon Nascimento e Romer Borges. Com a bola rolando, a narração será de Edu Carvalho. Acesse owww.radiodf10.com.brou baixe o aplicativo da Rádio DF10 no seu equipamento eletrônico e acompanhe a decisão do Candangão 2019.