Seleção da A2: Com técnico experiente, líder domina indicações

Publicado em .

Agora é a vez da Seleção Futebol Interior entrar em campo com os melhores da 12ª rodada. O time de craques tem como técnico o experiente Luiz Carlos Ferreira (foto), que está dando show no comando do União São João. O esquema adotado é o 4-4-2, sendo que ao invés de dois três são os meias, para dar maior sustentabilidade ao ataque.

Confira os melhores da 12ª rodada:

Goleiro: Carlos Carioca (Atlético Sorocaba) -
Grande responsável pela vitória do time de Sorocaba sobre o Votoraty. Com grandes defesas, foi uma verdadeira muralha, não deixando os atacantes adversários balançarem as redes. Além disso, defendeu a cobrança de pênalti no final do jogo e garantiu a vitória no dérbi.

Lateral-direito: Bruno Peres (Pão de Açúcar) –
O lateral do PAEC jogou com liberdade e mostrou que saber como fazer a coisa certa. Bruno subiu muito ao campo de ataque, mas também não deixou espaços para o contra-ataque do time adversário. Foi um dos destaques de mais uma vitória do Pão de Açúcar.Campinas, SP, 28 (AFI) – O Campeonato Paulista da Série A2 está na reta final da primeira fase. O União São João venceu mais uma. Pela 12ª rodada, o time de Araras passou pelo Guarani, por 2 a 0, fora de casa, e praticamente assegurou vaga na próxima fase. A zona de classificação ainda conta com: Pão de Açúcar, Linense, São Bernardo, São Bento, Guaratinguetá, Noroeste e Votoraty.

Veja também:
A2: União São João bate o Bugre e está virtualmente classificado

Zagueiro: Fabrício Tocha (Osvaldo Cruz) – O xerife do Azulão teve pouco trabalho, mas quando precisou estava pronto para evitar os gols no time mandante. Fabrício não perdeu uma e conseguiu manter a defesa sem sofrer gols no duelo pela 12ª rodada.

Zagueiro: Rocha (Linense) – O experiente zagueiro do Elefante da Noroeste não decepcionou a torcida. Rocha passou por grandes clubes, mas é em Lins que se sente à vontade para dar alegrias aos torcedores do Linense. Assim, foi novamente escolhido para integrar a Seleção da Rodada.

Lateral-esquerdo: Fred (União Barbarense) - Quando o Flamengo teve o seu primeiro jogador expulso, atuou mais na frente e não se preocupou tanto com a marcação. Deixou a sua marca, fazendo o terceiro do Leão da Treze, após uma linda tabela com Thiaguinho.

Volante: Marcelo (Pão de Açúcar) –
Marcou o segundo gol do PAEC na vitória diante do GEO. Marcelo foi muito bem durante todo o jogo e esbanjou raça dentro de campo. Depois de muito esforço foi premiado com um merecido descanso no banco de reservas, quando o jogo já estava praticamente definido.

Meia: Robson Goiano (Catanduvense) – O meia do time de Catanduva marcou duas vezes no empate diante do São Bento. Robson Goiano sobrou dentro de campo e se não fosse ele o Catanduvense não teria conquistado o importante ponto como visitante.

Meia: Junai (União São João) – Não dá para entender como o Rio Branco, que tem um elenco fraco, liberou um jogador tão interessante como Junai. Contra o Guarani, Junai só não fez gol, no mais, foi o grande nome do jogo, seja na armação das jogadas, seja até mesmo dando combate.

Meia: Altair (Marília) -
Mesmo com a derrota do time, foi um dos responsáveis pela reação impressionante do MAC na partida contra o São Bernardo. Participou dos dois gols de equipe. No primeiro bateu a falta e no segundo fez o lançamento que originou o gol.

Atacante: Nena (São Bernardo) – Foi autor de dois dos três gols diante do MAC. Nena marcou duas vezes e poderia ter feito mais. Foram os dois primeiros gols do artilheiro na competição, mas que valeram muito para o time do Grande ABC. Nena salvou o Tigre, que segue dentro do grupo dos oito melhores.

Atacante: Zé Carlos (Noroeste) – Com mais dois gols na noite de sábado, Zé Carlos chegou aos seis na disputa pela artilharia. Zé Carlos comprovou ter faro de goleador e quem sofreu com isso foi o São José. Melhor para os torcedores do Norusca, que continuam com o time na zona de classificação à segunda fase.

Técnico: Luiz Carlos Ferreira (União São João) – Mesmo com um elenco simples, Ferreira está dando show no União. Na vitória contra o Guarani, em Campinas, o técnico do União deu um banho em seu colega Vadão. Soube fazer seu time jogar com gramado seco e com chuva. Depois de alguns anos em baixa, Luiz Carlos Ferreira volta a demonstrar que ainda tem muito a dar para o futebol brasileiro.