Tiago Caetano: Brasil segue perdendo principais nomes para o exterior

Até quando técnicos do tamanho de Jorge Jesus e caras como Dudu irão utilizar o nosso futebol como 'nada melhor'?

por TIAGO CAETANO - Campinas

São Paulo, SP, 23 (AFI) - Não é de hoje que vemos os principais nomes do futebol nacional, nos deixar; e mais uma vez fomos obrigados a ver esse filme.

Há pelo menos 4 anos temos Palmeiras e Flamengo como os ricos do futebol brasileiro, times que mais investem e que tem os melhores elencos, mas até esses clubes são vulneráveis quando se trata de mercado internacional.

O rubro-negro viu seu treinador ser seduzido pelo Benfica e uma promessa de um time competitivo para próxima temporada, além de um contrato mais recheado de grana, enquanto o verdão perdeu seu maior ídolo para o fraco futebol do Catar.

Por mais que realmente as cifras sejam astronômicas, até quando ouviremos a seguinte frase: 'se não tiver nada melhor, está bom aqui'?

Até quando técnicos do tamanho de Jorge Jesus e caras como Dudu irão utilizar o nosso futebol como nada melhor?

A conclusão que chego é que sim, nosso futebol não é capaz de ser medíocre a ponto de um treinador nota 5 e um jogador nota 4, em nível mundial, nos deixar para mercado que estão longe de ser o primeiro mundo.

TIAGO CAETANO
Veja perfil completo
Veja todos