São Paulo passa de clube-modelo para clube com pressão sem fim

Até o início dos anos 2000 o São Paulo era referência em todos os aspectos: organização, infraestrutura, padrão a ser seguido no Brasil

por TIAGO CAETANO - Campinas

São Paulo, SP, 11 (AFI) - Se há um time de futebol no Brasil que vive uma pressão a todo momento, esse clube é o São Paulo.

A cada nova rodada e um novo tropeço do tricolor paulista, tudo parece querer desabar pelos lados do Morumbi. Como um clube que já foi modelo no futebol brasileiro chegou a esta situação?

Até o início dos anos 2000 o São Paulo era referência em todos os aspectos: organização, infraestrutura, padrão a ser seguido no Brasil.

De uma hora para outra, porém, isso tudo foi por água abaixo, com diretores se perpetuando no poder, administração questionável.

Isso tudo tornou um poderoso tricolor em um time sem rumo.

Agora a cabeça da vez é a do treinador Fernando Diniz, que tem metodologia de trabalho, mas sem paciência da diretoria e da torcida a vida dele cada vez parece ser mais difícil.

Caso os resultados não apareçam será mais um trabalhador demitido pela gestão Leco. E serão vários nomes até o fim da temporada.

A solução é um título mesmo que seja o Paulistão. A partir de uma conquista, o São Paulo terá águas tranquilas para navegar.

TIAGO CAETANO
Veja perfil completo
Veja todos