Uma final super-quente entre dois grandes argentinos na Copa Libertadores

Boca Juniors e River Plate vão fazer uma decisão inédita pelo título da Libertadores. Um grande final.

por SÉRGIO CARVALHO - - - Campinas

COPA Libertadores chega à sua fase final com presença de dois clubes argentinos, Boca Juniors e River Plate. Uma final histórica que colocará frente a frente as duas maiores forças do futebol argentino, das Américas e até do mundo.

Primeiro jogo final será disputado neste sábado, a partir das 18 horas, em Buenos Aires, no estádio la Bombonera. O segundo será no outro sábado, no mesmo horário, no campo do River. Não há favorito nestes jogos. Há equilíbrio absoluto, mas para o Boca, que joga primeiro em casa, seria muito importante vencer.

Após eliminar o Grêmio, o River Plate vai tentar segurar o rival Boa Juniors em grande duelo argentino
Após eliminar o Grêmio, o River Plate vai tentar segurar o rival Boa Juniors em grande duelo argentino

FURAÇÃO NA FRENTE

* A COPA Sul Americana também tem sequência neste meio de semana. Nesta quinta-feira jogaram Junior Barranquilla x Santa Fé, pelo jogo de ida. Mesmo visitante, o Barranquilla venceu por 32 a 0 e levou para casa uma grande vantagem de poder perder por 1 a 0.

Na noite de quarta-feira, Atlético Paranaense e Fluminense jogaram em Curitiba.

Furacão conseguiu um belo resultado no jogo de ida. Fez 2 a 0 e agora pode até perder no Maracanã por 1 a 0 que estará nas finais da Sul Americana.

O Fluminense vai precisar fazer 3 gols e não sofrer nenhum para conseguir a vaga. Se fizer 2 a 0 a decisão irá para os pênaltis. Em minha opinião, acredito que a vaga será do Atlético.

SÉRGIO CARVALHO - -
Sérgio Carvalho é um dos ícones do jornalismo esportivo brasileiro. Sua coluna ganhou mais de cincoenta prêmios durante o período em que foi publicada pelo Diário de São Paulo (antigo Diário Popular) durante mais de vinte anos. Hoje é um dos pontos de referência entre os colunistas do Futebol In
Veja perfil completo
Veja todos