Internacional lidera e Palmeiras encosta na ponta do Brasileirão com vitória em clássico

O alvinegro paulistano, dirigido agora por Jair Ventura, foi medroso, atacou pouco e poderia até ter sido goleado.

por SÉRGIO CARVALHO - - - Campinas

A vigésima quarta rodada do Brasileirão 2018, Série A, foi emocionante. Em especial nos três clássicos disputados em São Paulo, Porto Alegre e Rio de Janeiro. No clássico paulista o Palmeiras só venceu ao Corinthians por 1 a 0 (gol de Deyverson aos 11 minutos do segundo tempo), mas foi sempre o melhor time em campo no jogo disputado na Allianz Arena.

O alvinegro paulistano, dirigido agora por Jair Ventura, foi medroso, atacou pouco e poderia até ter sido goleado.

Corinthians segue em queda rápida por conta de novo desmanche
Corinthians segue em queda rápida por conta de novo desmanche

EQUILÍBRIO NO RIO
No Rio a partida foi equilibrada, sem muita técnica mas com aplicação dobrada dos dois times.

O Tricolor carioca teve a vantagem de fazer seu gol através Digão logo aos 10 minutos do primeiro tempo e, a partir daí, procurou ser mais cauteloso e conseguiu segurar o resultado até o final.

GRE-NAL DEU SONO
Já em Porto Alegre, depois de um primeiro tempo que deu sono, os dois times resolveram sair ao ataque e o Inter marcou através Edenilson, aos 13 minutos.

Inconformado, Renato Gaúcho fez as três modificações que poderia fazer, mas, ainda assim, não conseguiu superar a grande fase do goleiro Marcelo Lomba, que fez defesas incríveis e assegurou mais três pontos para o Colorado.

Por sinal, com essa vitória no clássico gaúcho, o Inter voltou à liderança, mesmo com a vitória do São Paulo no sábado a noite sobre o Bahia, no Morumbi, também por 1 a 0 (como se percebe, as defesas estão superando os ataques e as vitórias só são alcançadas na maioria das vezes, pela contagem mínima).

Grêmio, com vários desfalques, não segurou o Colorado
Grêmio, com vários desfalques, não segurou o Colorado

LÍDERES EM PONTOS
Nesse momento, Inter e São Paulo tem 49 pontos ganhos, mas, no saldo de gols, o time gaúcho leva vantagem (e por isso é o líder do campeonato).

E como estamos falando de clássicos, queremos elogiar os ótimos públicos presentes no Morumbi, sábado à noite (43.555), na Allianz Arena domingo à tarde (38.568) e no moderno estádio do Inter, em Porto Alegre (44.176 pagantes).

Só no clássico carioca o público foi muito abaixo do esperado - pouco mais de dez mil pessoas. Na noite do domingo, o Santos venceu o Paraná, em Curitiba, por 2 a 0.

Dois gols do Gabigol, artilheiro isolado com 12 gols. O Vitória bateu no Vasco por 1 a 0 e ficou mais distante do rebaixamento. O Vasco, ao contrário, está com um pé na cova!

C * U * R * T * A * S

Diego Souza fez o gol da vitória do Tricolor
Diego Souza fez o gol da vitória do Tricolor

* NO SÁBADO não foi fácil para o São Paulo vencer o bom time do Bahia. Mesmo com domínio de bola maior, time de Diego Aguirre só conseguiu marcar no segundo tempo de partida e em alguns momentos, por pouco não levou gol da equipe baiana.

Nenê e Diego Souza foram os melhores do time. Mas Hudson, Jucilei e João Rojas também jogaram muito. Pior sem dúvida foi o goleiro Sidão, que deu alguns sustos na torcida tricolor. Ele realmente não é jogador para ser titular do São Paulo.

VERDÃO FOI MELHOR
* NO CLÁSSICO da Allianz Arena o Palmeiras foi melhor como disse acima. Sua defesa quase não deu espaço para o ataque corintiano. No meio campo Felipe Mello, Lucas Lima e Moisés jogaram muito.

Na frente, Dudu fez excelente partida e o jovem Deyverson mais uma vez provou sua competência para fazer gols. Pelo lado do Corinthians, só Cássio se salvou. Os demais intercalaram bons e maus momentos. Mas o atacante Roger foi uma decepção. Felipão, muito nervoso, foi expulso.

GRE-NAL DECEPCIONANTE
* EM PORTO Alegre me decepcionei com o meia Luan, tido e havido como um craque pela crônica esportiva brasileira. Não concordo. Acho que ele tem muitas limitações. Prova disso é que Tite não o tem convocado. Tem muito nome e pouca bola. Na minha opinião.

Inter mostrou mais uma vez que está ainda em fase de evolução. Tem ótimo sistema defensivo e sempre consegue fazer o gol da vitória. Time está com moral alto e vai mesmo brigar até o fim pela conquista do título deste Brasileiro.

* PRÓXIMA rodada do Brasileirão, série A. Sábado - Ceará x Vitória, Grêmio x Paraná e Vasco da Gama x Flamengo. Domingo, a partir de 16 horas, Cruzeiro x Atlético MG, Bahia x Palmeiras, Santos x São Paulo. As 19 horas, Botafogo x América MG e Corinthians x Sport Recife.

Na segunda feira, as 20 horas, Chapecoense x Internacional. Esta será a vigésima quinta rodada do campeonato. Como destaque, três clássicos (Vasco/Flamengo, Cruzeiro/Atlético e Santos/São Paulo. Muita emoção.

RESULTADOS E CLASSIFICAÇÃO
* TODOS os resultados da última rodada do Brasileiro, série A. Sport 0 x Cruzeiro 0, São Paulo 1 x Bahia 0, Flamengo 2 x Chapecoense América MG 0 x Ceará 0, Fluminense 1 x Botafogo 0, Palmeiras 1 x Corinthians 0, Internacional 1 x Grêmio 0, Paraná 0 x Santos 2 e Vitória 1 x Vasco da Gama 0.

GABIGOL marcou seu 12º gol pelo Peixe
GABIGOL marcou seu 12º gol pelo Peixe

Nestes jogos, seis mandantes venceram seus jogos. Dois (Sport e América MG) empataram e só um perdeu (Paraná). Na noite desta segunda feira, a partir das 20 horas, ainda jogam Atlético MG e Atlético PR, em Belo Horizonte. Jogo não tem favorito.

* A CLASSIFICAÇÃO de momento na Série A está assim. Internacional é líder com 49 pontos e saldo de 18 gols. O São Paulo está em segundo com 49 pontos e 17 gols. O Palmeiras agora está em terceiro com 46. O Flamengo tem 44. Grêmio, 41. Atlético Mineiro, 38. Cruzeiro, 33. Santos, 31. Fluminense, 31.

Corinthians e América MG, 30. Vitória, 29. Bahia, 28. Atlético PR, 27. Botafogo, 26. Vasco, Sport Recife e Ceará, 24. Chapecoense, 22 e Paraná, 16. O Paraná praticamente já caiu. A Chapecoense está bem perto. O Ceará tem tudo para escapar.

BRASIL E A FRÁGIL EL SALVADOR

* SELEÇÃO Brasileira de Futebol volta A campo nesta terça feira para enfrentar a frágil equipe de El Salvador, no segundo amistoso internacional em território norte americano. O jogo será disputado no estádio FedEX Field, em Maryland, EUA.

Em tese, jogo muito fácil para o time do Brasil que é muito superior a seu adversário que não figura nem entre as seleções que integram o terceiro escalão das seleções filiadas a Fifa. Se jogar sério como se espera, o normal é uma goleada do Brasil.

* BOM lembrar que no primeiro amistoso nos Estados Unidos o Brasil venceu a seleção local por 1 a 0, gols de Firmino e Neymar (de pênalti). Jogo fraco, sem ritmo, de poucas jogadas de qualidade e falta de velocidade dos dois times.

Foi um jogo inútil para as observações de Tite que começa a armar o time que vai disputar a Copa América de Seleções no ano quer vem em território brasileiro. Para Tite essa competição será decisiva. Se não ganhar o título certamente será demitido do cargo..

DOIS GRANDES JOGOS DA COPA DO BRASIL

* A COPA do Brasil chega neste meio de semana a sua fase semifinal com dois jogos na quarta feira a partir das 21h45. O Flamengo recebe o Corinthians, no Maracanã e o Palmeiras encara o Cruzeiro, na Allianz Arena.

Time por time, eu apostaria em vitória de Flamengo e Palmeiras, já que Corinthians e Cruzeiro não me passam tanta confiança nesse momento que vivenciamos. Mas pode haver surpresa. Afinal, serão dois clássicos onde qualquer descuido pode ser fatal para qualquer dos quatro..

* QUEM VENCER já sairá com a vantagem do empate no jogo de volta que serão disputados no Itaquerão, em São Paulo e no Mineirão, em Belo Horizonte. Os dois times que vencerem essa disputa estarão classificados para a grande final da Copa que também será disputada em dois jogos.

O clube com melhor campanha vai fazer o último jogo, o decisivo, em seu território. Nesse momento o time mais credenciado a ser campeão desse torneio é o Palmeiras. Melhor elenco e futebol dos quatro.

SÉRGIO CARVALHO - -
Sérgio Carvalho é um dos ícones do jornalismo esportivo brasileiro. Sua coluna ganhou mais de cincoenta prêmios durante o período em que foi publicada pelo Diário de São Paulo (antigo Diário Popular) durante mais de vinte anos. Hoje é um dos pontos de referência entre os colunistas do Futebol In
Veja perfil completo
Veja todos