Croácia, a grande surpresa da Copa do Mundo

Surpreendeu todo mundo nos jogos que disputou, com campanha irretocável, três prorrogações e muita competência.

por SÉRGIO CARVALHO - - - Campinas

A Seleção da Croácia, que chegou a Copa da Rússia como uma simples coadjuvante, surpreendeu todo mundo nos jogos que disputou, com campanha irretocável, três prorrogações e muita competência. Na tarde desta quarta-feira, venceu em Moscou, a jovem e boa seleção da Inglaterra por 2 a 1 e garantiu sua vaga na grande final do maior torneio de futebol de seleções do mundo.

No jogo diante da Inglaterra, o que se previa era uma vitória inglesa, que vinha para essa partida com ligeiro favoritismo e uma queda honrosa do time croata, que, para muitos, já havia feito o que podia neste Mundial de 2018. Mas esse natural menosprezo foi um tremendo engano.

FOTO HISTÓRICA - Jogadores da Croácia posaram na frente da torcida após vaga na decisão
FOTO HISTÓRICA - Jogadores da Croácia posaram na frente da torcida após vaga na decisão

FINALISTA COM QUALIDADE
A Croácia mostrou ter sim qualidades e futebol suficientes para se classificar, mesmo muito mais desgastada e sofrida que a Inglaterra. Afinal, para chegar as semifinais, os croatas precisaram passar por duas prorrogações onde demonstraram extraordinária aplicação física, técnica e tática.

Possivelmente os ingleses não esperassem uma Croácia tão determinada. Tanto que fizeram o primeiro gol e depois preferiram administrar a vantagem ao invés de procurar aumentar o placar. A expectativa de todos, por sinal, era a de que, cansada como estava, a Croácia não suportaria chegar num bom ritmo até os minutos finais da partida.

TOTAL SUPERAÇÃO
Mas outra vez houve surpresa. A Croácia não só suportou como se superou nos minutos finais e na prorrogação. Jogou e correu mais do que a Inglaterra. Fez os gols que precisava e ganhou com méritos um jogo em que parecia não ter capacidade para vencer.

Ela não só venceu como garantiu vaga na grande final da Copa e, pela primeira vez em sua história vai disputar um título mundial de seleções. Paralelamente, na terça feira que passou, a França passou por cima da Bélgica com justiça, numa partida de alto nível e muitas emoções.

Agora vamos aguardar o domingo quando será disputada a grande final a partir das 12 horas. Lógico que muitos esperavam uma decisão entre duas seleções com currículo e prestigio como seria o caso de França e Inglaterra. Mas, pelo que conseguiu fazer para garantir sua vaga, a Croácia merece ser finalista desta Copa.

DIGNO DE ELOGIOS
Sua aplicação, sua força interna, sua união, seu futebol surpreendente, só merecem elogios. Acho que o time croata vai valorizar a grande final diante da França. Uma final onde os franceses nos parecem ser favoritos porque individualmente possuem maior número de talentos.

Mas não desprezem as possibilidades da Croácia. Ela já mostrou que veio a essa Copa para fazer história. De repente, surpreende e conquista o título. E se isso acontecer, não digam que foi injusto.

Mesmo porque, o time croata fez uma campanha tão brilhante que também tem méritos para levantar essa taça.

Ou não???

CURTAS * DA * COPA

* NESTE sábado será disputado o jogo que vai indicar a terceira melhor seleção da Copa. De um lado, a incrível Bélgica. Do outro, a jovem e competente Inglaterra. Não há favorito. Acho que os belgas jogam um futebol mais bonito e, por isso, torço para que eles ganhem o jogo.

Mas se a vitória for inglesa, não podemos criticar. Afinal, a Seleção da Inglaterra, tem seus talentos (um dos quais, Henry Cane, é o atual artilheiro da Copa com 6 gols). Aliás, essa geração inglesa está sendo preparada para Catar 2022. Acho que lá, ela pode jogar mais do que fez agora.

* NUMA análise de todos os jogos da Copa que pude assistir, considero Courtois, o melhor goleiro da competição. Há outros, como Pickford, da Inglaterra e Hugo Lloris, da França. Ambos, muito bons.

Quanto a jogadores de outras posições, gosto de Umtiti, zagueiro francês, Pogba e Mbappe, da França, Hazard, da Bélgica e Lucca Modric, da Croácia. Aliás, esse jogador não é só tecnicamente bom. Ele tem uma vitalidade e uma aplicação digna de um super homem. Corre o tempo todo, joga em qualquer posição. Já é um dos melhores jogadores desta Copa.

PEQUENO PAÍS

* BOM lembrar que a Croácia é um pequeno país de pouco mais de 4 milhões de habitantes (só de automóveis, a cidade de São Paulo tem de 7 a 8 milhões!). Ainda assim, seu técnico conseguiu montar um time que já chegou a final de uma Copa do Mundo.

Jamais os croatas chegaram tão longe. É uma classificação histórica. Em compensação, com mais de 200 milhões de habitantes, o Brasil só conseguiu chegar até as quartas de final da Copa do Mundo de 2018. Por essa comparação, dá para perceber que algo de errado aconteceu com nosso time.

Croácia também reuniu mulheres bonitas em sua torcida
Croácia também reuniu mulheres bonitas em sua torcida

JOGOS FINAIS

* AGORA só faltam dois jogos para a Copa terminar. O de sábado, com a decisão do terceiro lugar e o de domingo, com a decisão do título mundial entre França e Croácia. Será as 12 horas na cidade de Moscou. Quando a Copa começou já se sabia que seriam 64 jogos disputados por 32 seleções. Agora só faltam dois.

Ou seja, nada menos do que 62 já foram disputados. Parece que a largada se deu ontem. Mas não foi o que aconteceu. A Copa começou dia 14 de junho. Vai terminar no dia 15 de julho. Serão um mês e um dia de competição. Show de bola.

SÉRGIO CARVALHO - -
Sérgio Carvalho é um dos ícones do jornalismo esportivo brasileiro. Sua coluna ganhou mais de cincoenta prêmios durante o período em que foi publicada pelo Diário de São Paulo (antigo Diário Popular) durante mais de vinte anos. Hoje é um dos pontos de referência entre os colunistas do Futebol In
Veja perfil completo
Veja todos