Revelado no Guarani, promessa do Santos acerta com a Ponte Preta

O jogador já chegou ao Estádio Moisés Lucarelli para realizar exames médicos e físicos

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 11 (AFI) – A Ponte Preta confirmou, na manhã desta sexta-feira, a contratação de seu oitavo reforço para o Campeonato Brasileiro da Série B. Trata-se do meia Léo Cittadini, que será emprestado pelo Santos. O jogador já chegou ao Estádio Moisés Lucarelli para realizar exames médicos e físicos.

Foto: PontePress/ThiagoToledo

A jovem promessa de 20 anos tinha interesse em permanecer no Peixe, mas a diretoria parece ter traçado outros planos. As grandes fases vividas por outros meias, como Cícero e Geuvânio – ambos eleitos para a seleção do paulistão - fizeram o jogador perder espaço. Até mesmo o atacante Gabriel tem sido aproveitado na meia.

A prova disso é que neste Paulistão, onde o Santos utilizou 16 jogadores formados em sua base – e cinco vieram da última Copa São Paulo de Futebol Júnior -, Léo Cittadini fez apenas dois jogos. Somando a vitória sobre XV de Piracicaba (1 x 0) e o empate com o Osasco Audax (1 x 1), ele atuou por pouco mais de 70 minutos, sempre vindo do banco.

No início do ano, a Ponte chegou a demonstrar interesse no jogador. Ele seria uma das moedas de troca pelo atacante Rildo, que está emprestado ao time da Vila Belmiro pela Macaca. O jogador optou por permanecer e, nos últimos meses, vinha treinanmdo separado do grupo que disputa o Paulistão.

O fato curioso é que Léo Cittadini foi revelado no arquirrival pontepretano, o Guarani. Após reclamar de salários atrasados, o jogador saiu por um valor bem abaixo do mercado, no final de 2012, em uma das transações obscuras do então presidente Marcelo Mingone. O grupo EMS comprou os direitos e os repassou ao Peixe.

Na Ponte, Léo Cittadini não deve encontrar tanta concorrência como ocorre no Santos. O setor de criação é uma das grandes carências de Vadão. O titular Adrianinho está longe de ser uma unanimidade. As outras opções para o setor são o jovem Matheus Olavo e Bida, que na verdade é um segundo volante ou terceiro homem de meio, além do recém-contratado Lucas Patinho.

Com Léo Cittadini, a Ponte já chega a oito reforços para o Brasileiro da Série B. O primeiro foi o atacante Edno, que estava no Cerezo Osaka-JAP e já treina há um mês no clube. Na semana passada, chegaram os volantes Élton, do Internacional, e Adilson Goiano, ex-XV de Piracicaba, o meia Lucas Patinho, do Fluminense, e o atacante Alex Créu, ex-Penapolense. Nos últimos dias, foram confirmados o lateral Daniel Borges, do Botafogo-SP, e o atacante Cafu, ex-XV de Piracicaba.

 
 
" />