Em nota, CBFS se pronuncia sobre polêmica das estrelas

Nota oficial sobre a retirada de duas estrelas da Seleção Brasileira

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 05 (AFI) - A FIFA determinou que fossem retiradas duas estrelas dos uniformes da Seleção Brasileira de Futsal, no último sábado. Elas representam a conquista de dois Mundiais na década de 80, quando o esporte era gerido pela extinta Federação Internacional de Futebol de Salão (Fifusa). Segue manifestação do presidente da Confederação Brasileira de Futsal (CBFS), Aécio de Borba Vasconcelos, sobre o assunto. A Seleção Brasileira de Futsal tem o patrocínio dos Correios.

“A Confederação Brasileira de Futsal (CBFS) vem a público informar que de maneira surpreendente recebeu comunicado da FIFA determinando a exclusão de duas estrelas contidas em seus uniformes alusivas às conquistas de dois certames mundiais promovidos pela Federação Internacional de Futebol de Salão (FIFUSA), antes de a FIFA assumir os destinos da modalidade. Vale ressaltar que no último campeonato mundial, realizado no Brasil, em 2008, o nosso selecionado atuou ostentando cinco estrelas sem qualquer questionamento.

Acatando como sempre as determinações emanadas da FIFA, já retiramos as duas estrelas da nossa camisa. Em respeito aqueles que com muita luta e galhardia tornaram o futsal brasileiro o mais forte do planeta, faremos gestões para o retorno das mesmas, afinal, sabemos ser este o desejo de milhares de admiradores do nosso esporte, que reconhecem no futsal uma fonte inesgotável de talentos, inclusive do próprio futebol.”

 
 
" />