Ponte Preta contrata atacante cogitado pelo Santos

Na Macaca, Rildo ganharia um salário mensal em torno de R$ 40 mil

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 06 (AFI) – Depois de uma longa novela, que já se arrasta há algumas semanas, a Ponte Preta contratou o atacante Rildo, do Vitória, que chegou a ser sondado pelo Santos. O próprio presidente rubro-negro, Alexi Portela, confirmou a saída do jogador, que deve chegar na tarde desta quarta-feira para assinar contrato

Rildo (centro) tenta agredir árbitro

Ainda não se sabe detalhes do acordo. O tempo de contrato também não foi revelado, mas acredita-se que a diretoria alvinegra tenha desembolsado cerca de R$ 300 mil para contratar o novo reforço.

O Vitória não tinha interesse em liberá-lo, mas foi obrigado a ceder, já que o contrato do jogador termina no final do ano e estaria liberado para assinar um pré-contrato no meio deste ano, sem custo algum.

Na Macaca, Rildo ganharia um salário mensal em torno de R$ 40 mil. Valor bem inferior aos R$ 120 mil que o clube previa gastar com um atacante de velocidade. Antes, a Ponte chegou a cogitar Guerrón, do Atlético-PR, Anderson Aquino, do Coritiba, e Gilsinho, do Corinthians.

Agora, a Macaca deve buscar entre dois e quatro reforços. Duas prioridades seriam a chegada de mais um meia e um atacante de área, para disputar posição com Roger.

Mais de Rildo
Revelado nas categorias de base do São Bernardo, Rildo é natural de São Paulo e conhece bem o interior paulista. Antes de chegar ao Leão em 2011, ele teve passagens por Fernandópolis e Ferroviária. No time baiano tornou-se ídolo por seu futebol de dribles e insinuante.

Rildo começou muito bem na Série B - principalmente no jogo do primeiro turno contra a Ponte Preta no Moisés Lucarelli -, mas no dia 30 de julho tentou agredir o árbitro Cláudio Francisco Lima e Silva durante a partida contra o Boa Esporte e acabou suspenso por três meses, retornando de suspensão apenas nas últimas rodadas.

 
 
" />