RJ: Com ídolo na função de técnico, América já tem data para se reapresentar

Gilson Gênio foi o autor do gol do título do Torneio dos Campeões, em 1982, quando o Mecão venceu o Guarani na prorrogação

por Agência Futebol Interior

Rio de Janeiro, RJ, 03 (AFI) - De olho no Campeonato Carioca 2011, o AMérica-RJ irá se reapresentar na próxima segunda-feira, às 8 horas, no Estádio Giulite Coutinho, em Mesquita. Na oportunidade, será apresentada também a nova comissão, liderada pelo diretor técnico Edu Coimbra e pelo treinador Gilson Gênio, ídolos da história do clube que estão de volta para um novo desafio profissional.

Gilson Gênio foi o autor do gol do título do Torneio dos Campeões, em 1982, quando o Mecão venceu o Guarani na prorrogação. Treinador com ampla experiência nas divisões de base, Gilson construiu uma carreira vitoriosa.

Entre as principais conquistas, destacam-se os campeonatos estaduais juvenis em 2001 e 2007 e o Tricampeonato estadual de juniores entre 2002 e 2004. Os dois últimos, conquistados de forma invicta. O treinador não disfarçava a alegria de, no America, retornar ao futebol profissional.

"Eu sempre disse que meu ciclo no America não havia acabado. Tinha certeza que um dia estaria de volta ao clube para desenvolver outro tipo de trabalho. Estou muito feliz em voltar e tenho certeza que poderemos fazer muito pelo clube. O America faz parte de minha história", resume Gilson Gênio, que em 1982, conquistou também a Taça Rio pelo Mecão.

Além de Gilson Gênio, outros nomes importantes da comissão técnica já foram definidos pela diretoria. O supervisor de futebol será Cláudio Garcia, que retorna ao clube onde trabalhou durante a Taça Rio de 2008. Renato Trindade, que tem passagens por Botafogo e América/RN como treinador, será o auxiliar-técnico.

Ficha técnica do treinador:

Nome: Gilson Wilson Francisco (Gilson Gênio)

Data de nascimento: 20/06/1957 (53 anos)

Clubes: Entrerriense-RJ, Barra de Teresópolis-RJ, Campo Grande-RJ. Divisões de base: Fluminense, Botafogo e Duque de Caxias.

Títulos: Campeão Estadual da Segunda Divisão (2001) – Entrerriense; Campeão Estadual Juvenil (2001 e 2007) – Fluminense; Campeão Estadual de Juniores (2002, 2003 e 2004) – Fluminense; Campeão do Torneio Otávio Pinto Guimarães de Juniores (2007) – Fluminense.

 
 
" />