E agora Timão? Presidente da Roma banca a permanência de Imperador

Rosella Sensi, disse que não vai liberar o jogador e que vai contar com o brasileiro no ano de 2011

por Agência Futebol Interior

São Paulo, SP, 12 (AFI) - Depois de acertar salários com o atacante “imperador” Adriano, o Corinthians não teve uma boa notícia neste domingo. Isso porque, o presidente da Roma, da Itália, Rosella Sensi, disse que não vai liberar o jogador e que vai contar com o brasileiro no ano de 2011.

“Adriano é jogador do Roma e será no futuro. Ele espera jogar, mas não cobramos nada dele. É um grande campeão e terá sua chance. Queríamos um grande jogador e, agora que temo, iremos nos queixar?”, disse o presidente, aos sites italianos e ainda concluiu.

“Para um jogador ir embora, é preciso da assinatura dele e também do clube. E isso não vai acontecer”.

O treinador quer que ele fique?
Depois de vitória da Roma, por 1 a 0 sobre o Bari na manhã deste domingo, o técnico Claudio Ranieri que nem relacionou Adriano para o jogo voltou a dizer que os insatisfeitos no clube, devem procurar novos ares.

“Eu não sei se ele vai sair. O que eu sei é que não há necessidades de manter quem não está feliz com a gente”, disse o treinador.