Onde Anda: Jean Carlo, ex-meia de Palmeiras e Guarani

por Agência Futebol Interior

bola. Trata-se do interminável Jean Carlo, meia-atacante que fez parte do esquadrão do Palmeiras na "Era Campinas, SP, 17 (AFI) - O Onde Anda desta semana do Futebol Interior traz um daqueles dinossauros da Parmalat". Atualmente, ele defende o Picos-PI. (Natural de Cascavel, no interior paranaense, Jean Carlos de Souza fará no próximo dia 2 de abril 39 anos. Foto: Revista Placar)

Confira também:
Portal FI e TV5Monde dão uma viagem a Paris. Concorra!

Ele deu os primeiros "passos" no futebol no time de sua cidade, o Cascavel-PR, no longínquo ano de 1989. Foi pelo Matsubara-PR, time da terceira divisão do Paraná, que ele ganhou destaque.

No Japonesinho, como é carinhosamente conhecido o time da cidade de Cambará, que o jogador despertou interesse do Verdão, em 1992. Tanto que acabou contratado para fazer parte daquele timaço, que contava com craques como Roberto Carlos, César Sampaio, Zinho, Edílson, Edmundo e Evair. Por conta da forte concorrência, o meia nunca conseguiu se firmar no time de Vanderlei Luxemburgo. Depois

de dois anos de Palestra Itália, ele acabou transferindo-se para o Cruzeiro, em 1994. Na Raposa, o jogador também não teve vida longa.

Atrás de novos horizontes
Em 1995, Jean Carlo transferiu-se ao Juventude, que também tinha uma parceria com a Parmalat e disputaria sua primeira temporada na elite nacional. Atuando pelo time de Caxias do Sul, ele reencontrou o bom futebol e se transferiu no ano seguinte ao Atlético-PR.No Furacão, que também acabara de retornar à primeira divisão do Brasileiro, Jean Carlo fez parte do time

que revelou Oséias e Paulo Rink. Apesar disso, ele deixou a Arena da Baixada sem conseguir um título sequer.

Em 1997, Jean Carlo foi contratado pelo Guarani. No time campineiro, conseguiu viver bons momentos, apesar das campanhas não muito boas da equipe. Pode-se dizer que as duas temporadas no Brinco de Ouro foram os últimos bons momentos em nível nacional do jogador.Após uma passagem fracassada pelo Fluminense, em 1999, ele perambulou por Vitória (1999), Santa Cruz (2000), Santo André (2001-02), Vila Nova (2003), Paraná (2004) e Ulbra-RS (2005). Em todos estes clubes, ele viveu apenas alguns lampejos do futebol do passado. Esteve em clubes de menor expressão, como River, onde foi campeão piauiense.



Carreira em declínio
Já com mais de 30 anos, Jean Carlo apostou no futebol do Nordeste para continuar em atividade. Com campanhas de razoáveis para boas, ele defendeu ABC (2006-07), CSA (2007-08) e CRB (2008). Nos últimos meses, ele também vestiu as camisas de Botafogo-PB e Imperatriz-MA.Praticamente em ritmo de aposentadoria, o meia foi contratado nesta temporada como grande estrela do Picos-PI. Ele é o maior salário do clube, que atualmente ocupa a sexta posição no Estadual, com quatro pontos.