De olho em atacante do Flamengo, Ponte Preta ganha concorrência de time do Brasileirão

Lucas Silva, de 21 anos, disputou oito partidas em 2019, sendo uma da Libertadores, cinco do Carioca e duas do Campeonato Brasileiro

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 13 (AFI) - Após as saídas de Renato Kayzer e Júlio César, a Ponte Preta tem buscado reforçar o sistema ofensivo para a sequência da Série B. Um dos nomes que interessa é o de Lucas Silva, atacante do Flamengo. O problema é que o Bahia também demonstrou interesse nele para a disputa do Brasileirão.

Neste final de semana, o Mengão venceu a Chapecoense utilizando time praticamente reserva. Apesar disso, Lucas Silva sequer foi relacionado, o que mostra que o clube rubro-negro está inclinado a emprestá-lo pra que possa adquirir experiência.

Lucas Silva - Foto: Gilvan de Souza/Flamengo
Lucas Silva - Foto: Gilvan de Souza/Flamengo
Por outro lado, os cariocas, que têm conversas adiantadas para contratar o lateral-direito Rafinha, do Bayern de Munique, e Filipe Luís, do Atlético de Madrid, pretendem reforçar o meio de campo.

E é aí que o Tricolor de Aço pode levar vantagem sobre a Macaca. Afinal, o Mengo está interessado no volante Ramires, do próprio Bahia.

Assim, Lucas Silva poderia ser usado para fazer com que o clube nordestino se incline em liberar o meio-campista. Nesta semana, deve acontecer uma definição sobre o destino do jogador rubro-negro.

QUEM É?
Lucas da Silva de Jesus, 21, chegou ao Flamengo em 2016, para a categoria Sub 20. Estreou pelos profissionais em 2017, quando fez um gol em seis partidas. Ano passado, foram duas partidas e um tento. Em 2019, disputou oito partidas, sendo uma da Libertadores, cinco do Carioca e duas do Brasileirão - entretanto, não balançou as redes adversárias.