País da Europa libera público, mas recomenda que torcida não cante

Volta do público aos estádios na Holanda seguirá protocolos, como distância de, ao menos, 1,5 metros de distância

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 25 (AFI) - O futebol holandês voltará a ter público em setembro, mas a liberação traz uma recomendação do Governo. Mark Rutte, primeiro-ministro do país, pediu para a torcida não cantar por causa do novo coronavírus.

"Se os fãs não atenderem o pedido, os estádios poderão ser fechados novamente. (Recomendo ao torcedor que) Leve uma corneta e sussurre “Uhu!” quando seu time marcar um gol. Se as pessoas cantam e gritam, a possibilidade de contrair (o vírus) é muito alta", disse Rutte, à emissora holandesa “NOS”.

Torcida pode, mas sem cantar. (Foto: Ajax / Divulgação)
Torcida pode, mas sem cantar. (Foto: Ajax / Divulgação)
A volta do público aos estádios na Holanda seguirá protocolos, como distância de, ao menos, 1,5 metros de distância. O primeiro jogo com torcida será pela Liga das Nações da UEFA entre Holanda e Polônia em 4 de setembro, em Amsterdã.

O Campeonato Holandês foi encerrado em abril, mesmo se ter um campeão. O encerramento foi por causa da pandemia de Covid-19.