Zapata alerta que torneio 'não acabou', mas celebra fim de jejum contra Argentina

Alertou o jogador, que celebrou o fato de que os os colombianos conseguiram quebrar um tabu de 12 anos

por Agência Estado

São Paulo, SP, 15 - Autor do segundo gol da Colômbia na vitória por 2 a 0 sobre a Argentina, neste sábado à noite, na Arena Fonte Nova, em Salvador, o atacante Duván Zapata procurou conter a euforia com o resultado na estreia de sua seleção nesta Copa América.

"Este é um magnífico resultado, mas a Copa América não termina aqui", alertou o jogador, que ao mesmo tempo celebrou o fato de que os colombianos conseguiram quebrar um longo jejum de 12 anos sem vitórias sobre a Argentina.

DESDE 2007
O último triunfo sobre o rival havia sido conquistado em 2007, nas Eliminatórias Sul-Americanas da Copa do Mundo de 2010.

"Fazia muito tempo que a Colômbia não vencia a Argentina e estamos todos muito felizes", ressaltou o jogador, que entrou em campo na etapa final do duelo com os argentinos, substituindo o lesionado Falcao Garcia.

Roger Fernandez fez um dos gols
Roger Fernandez fez um dos gols
OUTRO SUBSTITUTO
Curiosamente, o atacante Roger Martínez, autor do primeiro gol colombiano neste sábado ao acertar um lindo chute cruzado, também entrou em campo no decorrer da partida, mas ainda na etapa inicial, substituindo Muriel, outro que se lesionou.

Depois deste expressivo triunfo sobre os argentinos, a Colômbia agora vai se preparar para encarar o Catar, na próxima quarta-feira, no Morumbi, antes de fechar a sua campanha no Grupo B da competição continental no próximo dia 23, contra o Paraguai, na Fonte Nova.

"Nós vamos aproveitar este momento, este foi um grande resultado, mas o torneio continua e teremos muitos jogos difíceis pela frente", ponderou Zapata.