Copa América: Apesar de derrota, técnico do Catar exalta 'grande partida' de sua seleção

O time asiático perdeu de 1 a 0 para a COlômbia com gol que só saiu nos minutos finais

por Agência Estado

São Paulo, SP, 19 (AFI) - A derrota para a Colômbia, nesta quarta-feira, pela segunda rodada da Copa América, não tirou o orgulho e a satisfação de Felix Sanchez. O técnico do Catar parabenizou seus jogadores pela "grande partida" que realizaram diante de um dos "melhores times do mundo". "São jogos como esse que nos dão força para continuar trabalhando", ressaltou.

"Lógico que lamentamos o resultado, mas precisamos destacar o esforço da equipe. Foi uma experiência muito grande para nós podermos enfrentar em uma partida oficial um time poderoso, repleto de jogadores de alto nível. Um jogo como esse nos ensina muito", disse o treinador espanhol, na entrevista coletiva que concedeu após a sua seleção ser superada por 1 a 0, no estádio do Morumbi, em São Paulo, pela segunda rodada do Grupo B do torneio continental. "Saímos da partida com a certeza de que poderemos buscar desafios maiores."

Sanchez explicou o fato de atuar com três zagueiros. "Buscamos fortalecer o nosso combate às bolas altas, pois o jogo aéreo é um dos pontos fortes da Colômbia. Ao mesmo tempo, fechamos os espaços entre a zaga e as laterais, que também são muito bem utilizadas pelo adversário. Além disso, tínhamos maior fluidez para sair com a bola em busca do campo ofensivo."

Sanchez projetou o jogo com a Argentina, domingo, em Porto Alegre, e a possibilidade de classificação para as quartas de final. "Vai ser mais uma partida dura, talvez mais dura do que essa de hoje. Vamos preparar a melhor equipe possível. Temos alguns problemas físicos e de cartões. Vamos estudar para aproveitar mais esta grande chance para poder competir bem frente a todo o potencial argentino. É mais uma oportunidade de aprendizado. E ainda temos chance de passar de fase."

O treinador agradeceu o apoio recebido das arquibancadas da barulhenta torcida catariana, engrossada por um bom número de brasileiros. "Estamos muito contentes e satisfeitos com os torcedores. Nos dois jogos até aqui o suporte foi muito importante. Ficamos muito felizes", finalizou.