Segundona: 'Rei do Acesso', Pinho 'dá a letra' ao Catanduva: 'Tem que ter coragem'

Santo ocupa o segundo lugar do Grupo 13, com três pontos, o mesmo do Tupã, enquanto Francana, com sete, e Marília, com quatro, forma G2

por Agência Futebol Interior

Catanduva, SP, 06 (AFI) - O Catanduva tem uma verdadeira decisão para a sequência da Segundona Paulista. Neste domingo, às 10h, o Santo recebe o Tupã, no estádio Silvio Salles, em Catanduva, pela quarta rodada da terceira fase, precisando vencer para seguir firma na luta pela classificação às quartas de final.

No momento, os donos da casa estão no terceiro lugar, com três pontos, o mesmo dos visitantes, que levam a pior no saldo de gols. Francana, com sete, e Catanduva, com quatro, formam o G2, zona de classificação ao mata-mata.

Pinho, técnico do Catanduva - Foto: Divulgação
Pinho, técnico do Catanduva

O técnico da equipe catanduvense, Pinho, falou o que é preciso para que seus comandados tenham um bom desempenho rumo ao acesso, grande objetivo da temporada. O treinador é conhecido como 'Rei do Acesso' - o último deles aconteceu na temporada passada, quando foi vice-campeão da Segundona dirigindo o Comercial.

"Jogador tem que acreditar e jogar. Tem que ter coragem, não adianta a gente falar de treinar, se chega na hora e não joga. Tem que ter coragem para jogar, ainda mais às 10h da manhã. Mas a dedicação e a vontade nossa são muito grandes. A gente está indo para um acesso. Vale a pena tentar, vale a pena correr", disse o comandante.