Copa Paulista: Apresentados, reforços do XV de Piracicaba falam em 'contribuir'

O zagueiro Gustavo e o atacante Victor Sapo foram oficialmente apresentados, em entrevista coletiva online, nesta tarde

por Agência Futebol Interior

Piracicaba, SP, 26 (AFI) - Prestes a iniciar a disputa pelas oitavas de final da Copa Paulista, diante do Atibaia, o elenco do XV de Piracicaba, que se reapresentou nesta quinta-feira (26), no Estádio Municipal Barão da Serra Negra, ganhou mais duas peças, contratadas para a sequência do torneio: o zagueiro Gustavo, 22 anos, ex-São Caetano, e o atacante Victor Sapo, 28 anos, ex-EC São Bernardo. A dupla vinda do ABC foi oficialmente apresentada, em entrevista coletiva online, nesta tarde.

“Primeiro, eu gostaria de agradecer ao XV pela oportunidade. Fico muito feliz pelo convite que foi feito junto à empresa que trabalho. Quando chegou a proposta, eu falei que eles poderiam fechar, porque é um clube que todos falam muito bem”, externou Victor Sapo, que obteve o acesso em seu ex-time, sendo vice-artilheiro da competição, com oito gols marcados, apenas um a menos que o principal goleador do certame. Com isto, o atleta chega embalado.

O zagueiro Gustavo e o atacante Victor Sapo foram oficialmente apresentados, em entrevista coletiva online, nesta tarde
O zagueiro Gustavo e o atacante Victor Sapo foram oficialmente apresentados, em entrevista coletiva online, nesta tarde
“A final da A3 foi no último dia 16. Eu atuei em praticamente todas as partidas do campeonato. Fiquei fora de apenas duas, uma por cartão e outra poupado. Chego com ritmo de jogo e bem confiante. Espero seguir fazendo gols, agora pelo XV”, contou o atacante, que elogiou. “Eu estava acompanhando. A equipe vem realizando uma grande campanha, marcando muitos gols, e eu venho para somar. Vou fazer meu máximo”, analisou o novo jogador do Nhô Quim.

DEFENSOR
Gustavo também ascendeu de divisão, sendo, inclusive, campeão do Paulistão A2 em São Caetano do Sul.

“É muito bom para um atleta conseguir um acesso e um título, ainda mais em um início de carreira. Graças a Deus, tive a chance de jogar bastante partidas, tanto na A2 quanto na Série D (Brasileiro). Eu também chego para dar meu melhor e ajudar”, falou o defensor, que reencontra o seu companheiro de posição Renan Dutra e o meio-campista Thiago Potiguar.

“Minhas expectativas são as melhores, de acrescentar à um time que já vem muito bem. É trabalhar forte e contribuir para que o XV atinja seus objetivos”, disse Gustavo, que comentou como foram as negociações. “O professor Moisés (Egert, técnico) me ligou e pediu minha ajuda. Claro que tenho todo um carinho pelo São Caetano, que me deu excelentes oportunidades, mas decidi dar esse passo”, concluiu o jogador, que foi a campo no último sábado por seu ex-clube.