Paulista A2: Capitão destaca poder de reação do XV de Piracicaba

'Ao invés de se abater, nosso time levantou e cabeça e lutou bastante, conseguindo o empate'

por Agência Futebol Interior

Piracicaba, SP, 11 (AFI) - Capitão e um dos atletas mais experientes do XV de Piracicaba, o zagueiro Diego Jussani teve um motivo a mais para comemorar a vitória por 3 a 2 sobre a Portuguesa na noite da última segunda-feira, 7, no Estádio Municipal Barão da Serra Negra, em Piracicaba, pela partida de ida das quartas de final do Paulistão A2.

O defensor celebrou mais um ano de vida e saiu de campo satisfeito com a entrega dos seus companheiros, que superaram um começo de jogo adverso.

Foto: Michel Lambstein
Foto: Michel Lambstein
“Não iniciamos a partida com a atenção necessária, tanto que aos 15 minutos a Portuguesa já vencia por 2 a 0.

Mas, ao invés de se abater, nosso time levantou e cabeça e lutou bastante, conseguindo o empate ainda no primeiro tempo e virando no início da segunda etapa.

Esse poder de reação, que já havia sido mostrado contra o Penapolense, na última rodada da fase de classificação, é muito importante e pode fazer toda a diferença na luta pelo acesso”, disse.

No confronto com a equipe de Penápolis, citado pelo defensor, o Nhô Quim levou um gol no último lance do primeiro tempo e desceu ao vestiário do Barão da Serra Negra em desvantagem no marcador.

Precisando dos três pontos para continuar vivo no torneio (além de contar com um de três resultados paralelos possíveis da rodada), os comandados de Evaristo Piza viraram com gols dos atacantes Erison e Caio Mancha, obtendo a vaga para as quartas de final.