Paulista A2: Em vantagem, atacante do XV afirma: 'Temos que jogar 90 minutos ligados'

O elenco do Nhô Quim segue preparação visando jogo decisivo pelas quartas de final contra a Portuguesa

por Agência Futebol Interior

Piracicaba, SP, 12 (AFI) - O XV de Piracicaba realizou na tarde desta sexta-feira (11), no Estádio Municipal Barão da Serra Negra, mais um treinamento visando a partida de volta pelas quartas de final do Paulista A2, diante da Portuguesa, na próxima segunda-feira (14), às 17h, no estádio Dr. Oswaldo Teixeira Duarte, o Canindé, em São Paulo. Devido à vitória por 3 a 2 na última segunda-feira, em Piracicaba, o Nhô Quim tem a vantagem do empate para avançar às semifinais da competição.

O atacante quinzista Kadu Barone lembra o começo difícil no último encontro entre os clubes, quando o adversário, com 15 minutos de partida, abriu 2 a 0 no placar. O Alvinegro Piracicabano virou o marcador com três gols do meio-campista Daniel Costa, que, aliás, se isolou na artilharia da equipe na competição, com cinco gols marcados. Desta forma, uma vitória dos donos da casa na próxima segunda-feira, por qualquer que seja o marcador, leva a disputa para os pênaltis.

 Kadu Barone alerta: “jogar os 90 minutos ligados” (Foto: Michel Lambstein)
Kadu Barone alerta: “jogar os 90 minutos ligados” (Foto: Michel Lambstein)
”Fases eliminatórias são sempre difíceis e tomando dois gols tão rápido fica ainda mais complicado. Nós sabíamos das dificuldades que iríamos encontrar no jogo, conseguimos reagir rápido e colocamos na cabeça que era possível reverter o resultado. Temos que trabalhar forte essa semana para consertarmos os erros, porque só passa para a próxima etapa quem consegue falhar menos”, disse Kadu Barone, que prevê mais um embate bastante complicado.

“Não tem nada definido ainda. Estamos com uma vantagem boa, que é o empate, porém isso não significa que temos que entrar tranquilos em campo. Tudo pode mudar no decorrer da partida, então todos nós já sabemos que será difícil. A Portuguesa é um adversário forte e lá eles também estão acreditando na classificação. Temos que ter consciência disso e jogar os 90 minutos ligados”, afirmou o atacante do time comandado pelo técnico Evaristo Piza.