Paulista A2: Mandatários avaliam boa fase do XV de Piracicaba e focam no acesso

O diretor de futebol Ricardo Moura e o gestor Beto Souza, avaliam a participação do Nhô-Quim no estadual

por Agência Futebol Interior

Piracicaba, SP, 08 (AFI) - Felizes com a classificação, satisfeitos com o que foi apresentado até o momento, confiantes, mas com os “pés no chão”. Desta forma, os responsáveis pela montagem do elenco quinzista, ao lado do técnico Tarcísio Pugliese, o diretor de futebol Ricardo Moura e o gestor Beto Souza, avaliam a participação do XV de Piracicaba no Paulista A2 até esse instante. O Nhô Quim inicia no próximo sábado, 13, a disputa das semifinais do estadual contra a Inter de Limeira.

“O nosso tempo foi bastante apertado. Então, desde a eleição do Arnaldo (Bortoletto, eleito presidente do clube na primeira quinzena de novembro do ano passado) e a definição de que eu seguiria no cargo de diretor de futebol, começamos a trabalhar incessantemente, a partir do primeiro minuto, para traçarmos o planejamento para o Campeonato Paulista. Precisávamos montar um grupo de acordo com a grandeza do XV”, disse o diretor de futebol, Ricardo Moura.

A definição das prioridades foi o primeiro passo. “A montagem de um plantel deve começar, obviamente, pela escolha de quem vai comandá-lo em campo, ou seja, o técnico. Foi então que levantamos alguns nomes, analisamos algumas possibilidades e entendemos que o Tarcísio seria o treinador ideal para o que tínhamos em mente. Acertamos, ainda, o retorno do Beto, que é um profissional muito competente e que tenho o maior apreço”, falou Moura.

Diretor e gestor de futebol avaliam momento como positivo, mas lembram que objetivo ainda não foi alcançado; equipe conhece datas e horários das semifinais
Diretor e gestor de futebol avaliam momento como positivo, mas lembram que objetivo ainda não foi alcançado; equipe conhece datas e horários das semifinais
A dupla campeã da Copa Paulista em 2016 estava novamente formada. “Tenho um carinho enorme pelo XV. Fui muito feliz aqui na minha primeira passagem, tendo a satisfação de conquistar o título logo no meu primeiro torneio, o que fez com que o clube voltasse a figurar no cenário nacional (com o feito, o Alvinegro garantiu vaga no Campeonato Brasileiro Série D do ano seguinte) após 16 anos. Assim, não pensei duas vezes antes de voltar”, externou Beto Souza.

A partir daí, o processo foi intensificado. “São vários aspectos que pesam na hora de decidir ou não pela contratação de um atleta, além dos fatores técnico, físico e financeiro. O Ricardo, o Tarcísio e eu colhemos todas as informações possíveis sobre cada jogador antes que os contratos sejam assinados. Felizmente o plantel tem correspondido, inclusive os últimos que chegaram, os quais corremos contra o tempo para deixá-los aptos a atuar”, comentou o gestor.

SEMIFINAIS
Após Conselho Técnico realizado na manhã desta segunda-feira, 8, foram definidos as datas e os horários dos jogos semifinais do Paulistão A2. O XV de Piracicaba irá encarar a Inter de Limeira às 19h00 dos dois próximos sábados, dias 13 e 20, primeiro no estádio Major José Levy Sobrinho, em Limeira, e depois no Estádio Municipal Barão da Serra Negra, em Piracicaba. Água Santa e Santo André farão o outro confronto. Os finalistas garantem presença na A1 em 2020.

O sistema segue o mesmo da fase anterior, ou seja, empate na somatória dos dois placares leva a decisão para os pênaltis. “Estamos muito contentes com a nossa classificação, que foi atingida com muita entrega e disposição de todos. No entanto, como falamos desde o início da nossa preparação, queremos o acesso e o título. Teremos um clássico pela frente, diante de uma equipe muito forte e de muita tradição. Todo cuidado é necessário”, analisou Beto Souza.