Após quase subir na Série A2, XV de Piracicaba anuncia saída de Beto Souza

Em sua passagem, o gestor de futebol conquistou a Copa Paulista de 2016 e chegou em duas semifinais

por Agência Futebol Interior

Piracicaba, SP, 13 (AFI) - A passagem de Beto Souza pelo Barão da Serra Negra chegou ao fim nesta sexta-feira. Pelo menos por enquanto. Como o time volta a campo apenas em agosto, a diretoria do XV de Piracicaba decidiu priorizar o equilíbrio financeiro e anunciou a saída do gestor de futebol.

O ex-dirigente do Guarani ficou quase dois anos no cargo e se despede com um histórico positivo. Em 2016, o XV de Piracicaba conquistou a Copa Paulista e voltou a disputar uma competição nacional - Série D do Brasileiro - depois de 14 anos. No ano seguinte, disputou a semifinal da Copa Paulista e em 2018 a semi da Série A2, perdendo a chance de retornar à elite ao ser derrotado pelo Guarani.

Beto Souza deixou o cargo de gestor de futebol do XV de Piracicaba nesta sexta-feira
Beto Souza deixou o cargo de gestor de futebol do XV de Piracicaba nesta sexta-feira
"O Beto trouxe a experiência de muitos anos trabalhando, e com sucesso, em grandes equipes do futebol brasileiro, como o Corinthians, no qual ele esteve por mais tempo. Por isso, desde quando assumi meus cargos no XV, fiz o possível, junto do presidente Celso Christofoletti, para tê-lo ao nosso lado. Fica o nosso agradecimento pelo o que ele fez e quem sabe ele possa voltar em um futuro breve", disse o vice-presidente e diretor de futebol Ricardo Moura.

O XV de Piracicaba tem pouco menos de quatro meses para iniciar a disputa da Copa Paulista, cuja previsão é que comece no dia 5 de agosto, e não cogita agora a contratação de outro profissional para a vaga deixada por Beto Souza.

O goleiro Luiz Fernando, o lateral-esquerdo Pedrinho e os meio-campistas Bruno Formigoni e André Cunha seguem suas recuperações no departamento médico alvinegro, enquanto o atacante Bruninho sacramentou seu empréstimo junto ao Sampaio Corrêa.