Lateral do Vitória liga "sinal de alerta" contra rebaixamento na Série B

Vitória despencou para o 12º lugar com 18 pontos, quatro a mais do que a zona de rebaixamento

por Agência Futebol Interior

Salvador, BA, 13 (AFI) - Derrotado pelo Avaí (2 a 1), o Vitória chegou a duas derrotas seguidas na Série B do Campeonato Brasileiro e quatro duelos sem triunfar. Até mesmo por isso, o lateral Thiago Carleto já ligou o sinal de alerta contra o rebaixamento.

"A gente tem que estar atento. Não vou dizer preocupado, mas atento em todas as circunstâncias que estamos no campeonato. Acho que a gente não pode se desesperar, mas sim ligar o sinal de alerta. Com o time que nós temos, da forma que vem jogando, a gente não pode admitir estar nessa situação na tabela. Tem time fazendo muito menos e está lá em cima", analisou.

"O futebol é resultado. A gente tem que estar sim com sinal de alerta ligado, sinal de atenção. Tem sim que ligar o sinal de alerta porque com a grandeza do Vitória e o time que temos, não podemos estar na colocação que estamos", completou.

Vitória atrás da recuperação. (Foto: Letícia Martins / Vitória)
Vitória atrás da recuperação. (Foto: Letícia Martins / Vitória)
ARBITRAGEM?

O Vitória despencou para o 12º lugar com 18 pontos, quatro a mais do que a zona de rebaixamento. Carleto depositou parte da lamentação do atual momento em supostos erros de arbitragem.

"Não gosto de colocar a culpa em árbitro, mas contra nós está sendo difícil. Todo jogo a gente é prejudicado por algum detalhe, algum lance pela arbitragem. Querendo ou não, faz a diferença. A gente está focado, atento para não tomar gol e, de repente, um árbitro bem e dá um pênalti que não foi, uma falta que não foi. No meu modo de ver, isso tem atrapalhado um pouco", criticou.

FOCO!
O Vitória se prepara para encarar a Chapecoense no sábado, às 16 horas, na Arena Condá, em Chapecó, pela 16ª rodada da Série B.

"Não é perder o foco, e sim o detalhe. Acho que o detalhe tem nos custado muito a vitória. Acho que a gente tem que estar mais atentos aos detalhes. A gente tem um time experiente, se fosse um time de jovens, colocariam a culpa nesse argumento, mas a gente tem um time experiente", finalizou Carleto.