Jogadores voltam a treinar após protesto e Vitória terá mudanças na despedida

Com salários atrasados, os jogadores se recusaram a treinar na quarta-feira

por Agência Futebol Interior

Salvador, BA, 29 (AFI) - O Vitória escapou do rebaixamento na Série B do Campeonato Brasileiro, mas os problemas continuam no clube baiano. Com salários atrasados, os jogadores se recusaram a treinar na quarta-feira. Nesta sexta, porém, foram a campo para a última movimentação antes do confronto contra o Coritiba neste sábado, às 16h30, no Estádio do Barradão, em Salvador.

O técnico Geninho não poderá contar com os suspensos volantes Lucas Cândido e Léo Gomes. Os dois, aliás, já não vestem mais a camisa rubro-negra. Lucas voltará ao Atlético-MG, dono dos seus direitos federativos, enquanto Léo Gomes foi negociado com o Athletico-PR.

Despedida com mudanças. (Foto: Letícia Martins / Vitória)
Despedida com mudanças. (Foto: Letícia Martins / Vitória)
Assim, Rodrigo Andrade, recuperado de lesão no pé, e Felipe Gedoz se juntarão a Baraka no meio-campo. No ataque, Jordy Caicedo, com dores no pubis, sequer foi relacionado. Wesley, por sua vez, perdeu a vaga para Felipe Garcia.

No 12º lugar com 45 pontos, o Vitória jogará com Martín Rodríguez, Van, Everton Sena, Ramon e Thiago Carleto; Rodrigo Andrade, Baraka e Felipe Gedoz; Felipe Garcia, Eron e Anselmo Ramon.

Relacionados do Vitória:

Goleiros: Martín Rodriguez e Ronaldo;
Laterais: Capa, Thiago Carleto, Chiquinho, Matheus Rocha, Van e Wellisson;
Zagueiros: Everton Sena, João Victor, Ramon e Zé Ivaldo;
Volantes: Baraka, Gabriel Bispo, Marciel, Rodrigo Andrade e Romisson;
Meias: Felipe Gedoz;
Atacantes: Anselmo Ramon, Eron, Felipe Garcia, Negueba e Wesley.