Vitória enfrenta tabu de 29 anos para cumprir 'meta' no Brasileirão

Só que o técnico Vagner Mancini está confiante de que pode escrever uma nova história na casa do adversário

por Agência Futebol Interior

Salvador, BA, 11 (AFI) - O Vitória está a um ponto de alcançar o seu primeiro objetivo no Campeonato Brasileiro: se garantir fora da zona de rebaixamento durante a parada para a Copa do Mundo. Só que para isso precisa derrubar um tabu que já dura 29 anos no futebol brasileiro. Em 17 jogos o clube baiano nunca venceu o São Paulo no Morumbi, palco do jogo desta terça-feira, às 21h30, pela 12ª rodada. São 15 vitórias do time paulista, além de dois empates.

Só que o técnico Vagner Mancini está confiante de que pode escrever uma nova história na casa do adversário. A vitória em cima da Chapecoense por 1 a 0 e o empate sem gols contra o Corinthians melhoraram o clima em Salvador, mas não tiraram o clube da parte debaixo da tabela. Com 12 pontos, o Vitória precisa de apenas mais um ponto para se garantir fora da degola – Atlético-PR, Bahia e Paraná, todos com nove, brigam na zona de rebaixamento.

Vitória enfrenta tabu de 29 anos para cumprir 'meta' no Brasileirão
Vitória enfrenta tabu de 29 anos para cumprir 'meta' no Brasileirão
Emprestado ao São Paulo pelo Valencia, da Espanha, e repassado ao Vitória, o zagueiro Aderllan não poderá entrar em campo por força de contrato. Kanu, outro pilar defensivo do time, recebeu o terceiro cartão amarelo contra o Corinthians e também passou a ser desfalque. Com isso, Mancini terá que apostar em uma dupla de zaga jovem, com Ramon e Bruno Bispo no time titular. O restante do time não deve ter grandes mudanças.

“Tivemos uma boa atuação contra o Corinthians e é preciso continuar evoluindo. Nossa equipe se encaixou bem nos últimos jogos, em que não levamos gol, com colaboração de todos os setores, e a expectativa é boa para enfrentar o São Paulo. O objetivo é encerrar essa fase antes da Copa do Mundo na melhor colocação possível”, comentou o lateral Jeferson.

A provável escalação do Vitória conta com: Elias; Cedric, Ramon, Bruno Bispo e Jeferson; Lucas Marques, Rodrigo Andrade e Rhayner; Wallyson, Neilton e André Lima.

 
 
" />