Série C: Vila Nova pode perder acesso por estatística negativa na segunda fase

Com seis gols sofridos, o Vila Nova tem a defesa mais vazada e caiu para a última posição no Grupo C

por Agência Futebol Interior

Goiás, GO, 4 (AFI) - Após ser derrotado em casa por 3 a 0, contra o Brusque, no último sábado (2), o Vila Nova tem agora a defesa mais vazada do Grupo C da Série C do Campeonato Brasileiro, com seis gols sofridos.

A estatística negativa pode ser prejudicial para o time, que tem quatro pontos e está em um grupo embolado. O saldo de gols, provavelmente, vai ser o diferencial para os clubes que subirão à Série B do Brasileirão.

Jogadores do Vila Nova no aquecimento. Foto: Douglas Monteiro/Divulgação
Jogadores do Vila Nova no aquecimento. Foto: Douglas Monteiro/Divulgação

PODE FAZER A DIFERENÇA

Com o Grupo C extremamente disputado, os critérios para desempate podem ser cruciais para determinar os times que conquistam o acesso à segunda divisão nacional na próxima temporada. O Vila Nova, na quarta posição, tem quatro pontos, um a menos que o Ituano, que abre o G-2.

VIRAR A CHAVE

Para voltar a pontuar e melhorar o saldo de gols, o Vila Nova recebe, no próximo sábado, às 17 horas, o Santa Cruz, no estádio do OBA, pela quinta rodada do Grupo C do Campeonato Brasileiro. Em caso de derrota, os goianos poderão dar adeus ao sonho de acesso.