Série C: Zagueiro do Vila Nova nega "espírito de revanche" contra o Ituano

O Tigre foi derrotado pelo Galo por 2 a 1, em Goiás, ainda no primeiro turno do Grupo C

por Agência Futebol Interior

Goiás, GO, 13 (AFI) - Focado na última rodada do Grupo C da Série C, o zagueiro Saimon, do Vila Nova, abafou rumores sobre "espírito de revanche" do Tigre contra o Ituano, em jogo que pode valer o acesso à Série B do Brasileirão.

O Vila Nova foi derrotado pelo Ituano no primeiro turno do Grupo C, em jogo válido pela segunda fase, por 2 a 1, no estádio do OBA, em Goiás.

Zagueiro Saimon contra o Santa Cruz, na 5° rodada do Grupo C. Foto: Comunicação/Vila Nova
Zagueiro Saimon contra o Santa Cruz, na 5° rodada do Grupo C. Foto: Comunicação/Vila Nova

SEM SOBERBA!

"Não devemos enfrentar o Ituano com espírito de revanche, é uma coisa que não cabe. Respeitamos todas as equipes, da mesma forma que não enfrentamos o Santa Cruz com nenhuma soberba, por ter vencido em Recife. Todos os jogos são importantes e temos visto o equilíbrio.", comentou o zagueiro.

JOGO MAIS IMPORTANTE DO ANO

"Agora é mais uma decisão e o jogo mais importante do nosso ano. Já enfrentamos o Ituano na primeira rodada e fomos vencidos, sabemos das dificuldades que vamos ter, mas é um ânimo diferente.", completou Saimon, defensor do Vila.

GANHAR E SUBIR

Para conquistar o acesso à Série B do Brasileirão, o Tigrão depende apenas de si. Em caso de vitória diante do Ituano, no próximo domingo (17), às 18 horas, no estádio Novelli Júnior, o Vila garante a vaga na segunda divisão nacional sem depender do resultado entre Brusque e Santa Cruz.

No momento, o time goiano, que não disputa a Série B desde 2019, ocupa a segunda posição do Grupo C, com sete pontos conquistados em cinco rodadas.