Série B: Novo técnico do Vila Nova destaca necessidade da chegada de um atacante

O técnico é novo, mas o elenco continua fraco. Cabo sabe que precisa de reforçar para reagir na Série B.

por Agência Futebol Interior

Goiânia, GO, 16 (AFI) - Os cartolas continuam trocando de técnico como trocam de sapatos, mas esquecem de planejar para ter um time forte e competente. Ao ser apresentado no Vila Nova-GO, nesta terça-feira, o técnico Marcelo Cabo fez questão de lembrar que vai precisar de alguns reforços para o restante da disputa do Campeonato Brasileiro da Série B. Essencialmente um camisa nove, um homem gol, matador nato.

"A questão de contratação todo departamento de futebol vai sentar, conversar e tomar uma decisão em conjunto. Vamos sempre sentar e trocar ideia.

A gente tem trabalhado bastante desde o momento que acertamos na noite de domingo, mas esperamos ter novidades ainda essa semana. A diretoria não vai medir esforços para isso" - comentou Cabo que em 2017 subiu com o Atlético-GO e ano passado com o CSA.

Cabo (à direita) quer reforços para chegar à Série A
Cabo (à direita) quer reforços para chegar à Série A

O centroavante Junior Viçosa não foi cogitado nas nossas reuniões.

"A gente está buscando esse camisa 9. Não é fácil, mas temos uma lista. Nós vamos contratar um camisa 9. O vila nova não pode errar nas contratações. Não passa na minha cabeça trazer o Moisés. A gente precisa trazer jogador que chegue e jogue, com mais rodagem" - concluiu o raciocínio.

EXPECTATIVA POSITIVA
"Chego com a expectativa muito boa de buscar a meta única que é o acesso. Não podemos pensar em outra coisa. O Vila não pode olhar pra trás e pensar em Z4. Vamos ter algumas metas para que a gente consiga o acesso à Série A" - afirmou.

"Quero agradecer toda a diretoria pela confiança em meu trabalho. Estou muito feliz e lisongiado com esse convite do Vila Nova. Fico feliz de retornar para Goiânia, de ir para um clube do tamanho do Vila Nova. Primeiro vamos dar continuidade ao trabalho que vinha sendo feito para que no decorrer a gente possa implementar nossa filosofia" - completou.

Eduardo Baptista foi demitido após a derrota no clássico para o Atlético-GO, por 2 a 0, no última sábado. O Vila Nova vai tentar a reabilitação diante do América-MG, sábado, às 16h30, em Goiás, pela 10.ª rodada.

O Vila soma apenas 10 pontos, em 16.º lugar, o dobro do América-MG (5), penúltimo colocado e só na frente do lanterna Vitória.