Série B: Felipe Albuquerque teme que Vila Nova perca jogadores importantes

O lateral Maguinho e o volante Geovane têm contrato com o Tigre até o final do ano

por Agência Futebol Interior

Goiânia, GO, 09 (AFI) - A boa campanha realizada pelo Vila Nova no Campeonato Brasileiro da Série B começa a chamar a atenção e faz a diretoria temer jogadores importantes, como o lateral-direito Maguinho e o volante Geovane. As suas saídas, porém, devem acontecer apenas em dezembro.

Os dois jogadores chegaram ao Tigre em 2016 e possuem contrato até o fim do ano. Ambos demonstraram interesse em permanecer no clube, mas o diretor de futebol Felipe Albuquerque disse que a chance de renovação com Maguinho e Geovane "é muito pequena".

O lateral Maguinho tem contrato com o Vila Nova até o fim do ano e dificilmente vai ficar (Foto: Douglas Monteiro/Vila Nova)
O lateral Maguinho tem contrato com o Vila Nova até o fim do ano e dificilmente vai ficar (Foto: Douglas Monteiro/Vila Nova)
"Nós os procuramos desde o ano passado, a intenção do Vila Nova é renovar com os dois, mas a chance disso acontecer é muito pequena. São atletas que valorizaram muito durante essas três temporadas. Já estive em reunião com o Geovane por diversas vezes, o empresário do Maguinho esteve em Goiânia recentemente, mas, sendo muito sincero com a torcida, a possibilidade disso acontecer é pequena", afirmou o dirigente.

Maguinho tem 26 anos e chegou ao Vila Nova em 2016 depois de defender o Capivariano. Neste período, são 115 jogos e cinco gols. Geovane, de 29 anos, foi contratado pelo Tigre junto a Aparecidense na mesma época de Maguinho e desde então disputou 89 partidas, marcando sete gols. Os dois são titulares absolutos no time de Hemerson Maria.

Invicto há seis jogos, o Vila Nova está na terceira colocação, com 23 pontos e volta a campo na próxima quinta-feira, contra o Paysandu, no Estádio da Curuzu, pela 15ª rodada da Série B.

 
 
" />