Crise? Elenco de time da Série B já aparenta estar rachado

por Agência Futebol Interior

Goiânia, GO, 10 (AFI) - O técnico Édson Gaúcho já não é mais o nome que mais agrada a todos no Vila Nova. Após a goleada na estreia, por 4 a 1, para a Portuguesa, o elenco já aparenta estar rachado.

Confira também:
Começou! Zagueiro de time do Brasileirão é negociado com o Milan

Os antigos atletas do grupo não gostaram da atitude do treinador em colocar vários dos novos reforços como titular da equipe e dar a braçadeira de capitão para Júnior Paulista, recém chegado ao clube. O zagueiro que foi muito mal na estreia, dos quatro gols, em três, ele falhou de forma grotesca.

Caso os resultados não venham, Édson Gaúcho não deve ter vida longa no colorado. Sobre o jogo, o técnico afirmou que o time não pode errar tanto como errou e que a falta de entrosamento prejudicou a atuação da equipe.

"Os atletas estão chegando e nós não temos um elenco muito grande. É complicado quando o jogador chega, treina dois dias a vai pro jogo", afirmou o técnico que reconheceu o seu erro. "Eu coloquei a equipe e sou responsável pelos resultados", finalizou.

Na próxima partida, o Vila Nova enfrenta o Icasa, em Goiânia, na próxima sexta-feira, às 21 horas.