Infectado com a covid-19, Sergio Pérez divulga vídeo e diz estar 'muito triste'

O alemão Nico Hulkenberg foi o escolhido para o seu lugar no Grid

por Agência Estado

São Paulo, SP, 31 - Um dia depois de ter resultado positivo em um teste de covid-19, o piloto mexicano Sergio Pérez, da Racing Point, divulgou nesta sexta-feira um vídeo em suas redes sociais no qual disse estar muito triste com o ocorrido, que o deixa de fora do GP da Inglaterra, a quarta etapa da temporada de 2020 da Fórmula 1, neste final de semana, no circuito de Silverstone. O alemão Nico Hulkenberg foi o escolhido para o seu lugar.

"Eu fico extremamente triste. Esse é um dos dias mais tristes da minha carreira", afirmou Pérez. "A dimensão da preparação que a gente fez para esse fim de semana, garantindo que estaríamos 100%... Fico muito triste que isso tenha acontecido, mas ajuda a mostrar como estamos todos vulneráveis a esse vírus".

Perez está com Covid-19
Perez está com Covid-19
Na quinta-feira, quando o resultado de seu teste ainda era inconclusivo, a Racing Point divulgou que Pérez não havia viajado para o México neste intervalo entre o GP da Hungria, no último dia 19, e o início das atividades em Silverstone. No entanto, o piloto revelou que foi até a cidade de Guadalajara, em seu país natal, por conta de "um acidente" com sua mãe.

"Eu segui todas as instruções da FIA (Federação Internacional de Automobilismo) e da minha equipe. Depois da Hungria, eu fui em um voo privado até o México para visitar minha família e ver minha mãe por dois dias. Ela teve um grande acidente e, quando saiu do hospital, pude vê-la. Voltei para a Europa do mesmo jeito que fui, seguindo todos os protocolos", afirmou.

POLÊMICA!
A polêmica sobre a viagem se acentua com o fato de Pérez também ter sido visto na Itália, passeando com a esposa, nesse período. Mas, independente de possíveis descuidos, o piloto mexicano aproveitou a oportunidade para destacar a facilidade de se infectar com o novo coronavírus.

"Não sei como peguei (o vírus). Não tenho sintomas, o que mostra como somos vulneráveis. Quero agradecer aos pilotos que me apoiaram, assim como minha equipe, as autoridades, os fãs. É um momento difícil, mas tenho certeza de que voltarei mais forte", encerrou Pérez, que corre o risco de não poder participar da etapa seguinte da temporada, o GP de Aniversário de 70 Anos, também em Silverstone, no próximo dia 9.