Vasco tenta repetir triunfo do 1º turno sobre o São Paulo para fugir da degola

O time de São Januário ainda brigava pela liderança do Brasileirão no início da competição, quando bateu o Tricolor

por Agência Estado

Rio de Janeiro, RJ, 22 (AFI) - Apenas dois times ganharam do São Paulo neste Brasileirão. O Vasco é um deles. Na terceira rodada, fez 2 a 1 em São Januário, quando brigava pela liderança e os rivais viviam momento conturbado. Com papéis invertidos com os paulistas, os cariocas tentam repetir a dose neste domingo, às 16 horas, no Morumbi, para deixarem a zona de rebaixamento.

Com desfalques e futebol nada empolgante, o Vasco buscará a superação diante de um rival há 11 jornadas sem derrota na competição, desde os 3 a 1 para o Atlético-MG, e com média recente de três gols por jogo.

Depois de conseguir segurar o Fortaleza, mas não cumprir bem o papel na frente, o Vasco tentará repetir a tática da forte marcação no Morumbi, mas buscar que o ataque faça sua parte.

Mas o time tem problemas. O goleiro Fernando Miguel e o zagueiro Werley testaram positivo para o novo coronavírus e desfalcam o Vasco. Com mais dois casos revelados neste sábado, o time cruzmaltino tem nove jogadores afastados por covid-19.

Além de Fernando Miguel e Werley, também foram diagnosticados com covid-19 Talles Magno, Benitez, Tiago Reis, Ulisses, Fellipe Bastos, Carlinhos e Ribamar. Em contrapartida, os zagueiros Leandro Castan e Miranda se recuperaram da doença, treinaram na sexta-feira e foram relacionados para a partida da 22.ª rodada do Brasileirão.

A presença da dupla entre os titulares no Morumbi ainda é incerta, visto que os defensores participaram de apenas uma atividade no CT antes da partida. Eles não treinavam havia dez dias, período em que cumpriram o isolamento social.

Sem vários titulares, a delegação vascaína já desembarcou em São Paulo na tarde deste sábado. Além dos retornos de Leandro Castan e Miranda, outra novidade na lista de relacionados é a presença do jovem atacante Kaio Magno, de 21 anos, irmão de Talles.

Das seis vitórias do Vasco no Brasileirão, metade foram fora de casa. Inclusive a última, diante do Sport, no Recife, com dois de Germán Cano. Foi justamente o artilheiro argentino quem anotou os dois no triunfo frente o São Paulo, lá no começo do torneio.

O Vasco soma apenas 23 pontos no Brasileirão, com desempenho ruim e apenas um triunfo em cinco jogos na competição sob a batuta de Sá Pinto. Ambos precisam melhorar e nada melhor que seja diante de uma equipe em bom momento para levantar o moral.