Argentino Cano supera uruguaio e vira o sétimo gringo com mais gols no Vasco

Cano, que não marcava há nove jogos, alcançou a marca de 18 gols, agora, um a mais do que o uruguaio Danilo Menezes

por Agência Futebol Interior

Rio de Janeiro, RJ, 15 (AFI) - O argentino Germán Cano se tornou o sétimo estrangeiro com mais gols na história do Vasco. Ele encerrou jejum de dois meses ao fazer os dois gols na vitória vascaína, por 2 a 0, sobre o Sport em plena Ilha do Retiro, em Recife, pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro.

"Estou feliz de voltar a marcar e do Vasco também voltar a vencer. O mais importante é vencer. Eu acho que esta vitória vai nos dar mais tranquilidade para avançar melhor no campeonato", comentou o artilheiro do time, agora com nove gols.

Cano sabe o caminho do gol. (Foto: Rafael Ribeiro / Vasco)
Cano sabe o caminho do gol. (Foto: Rafael Ribeiro / Vasco)
SUBINDO...

Cano, que não marcava há nove jogos, alcançou a marca de 18 gols, agora, um a mais do que o uruguaio Danilo Menezes que vestiu a camisa do Vasco entre 1965 e 1971, segundo o jornalista André Schmidt. E Cano deverá ganhar mais uma posição em breve.

Afinal, o sexto estrangeiro com mais gols no Vasco é Riasco com 20 bolas nas redes. O recordista é Villadoniga, que esteve no Vasco entre 1938 e 1942. O uruguaio fez 83 gols. O paraguaio Silvio Parodi tem 37 tentos, contra 29 do argentino Alfredo González. Já o sérvio Petkovic fez 28, três a mais do que o argentino Hugo Lamanna.

Este resultado foi importante para o Vasco na sua luta contra o rebaixamento. Atingiu os 22 pontos, saiu do Z4 e agora ocupa a 15.ª posição. O Vasco vai ter dois jogos nesta semana. Na quinta-feira recebe o Fortaleza em São Januário, em jogo atrasado, e no domingo pega o São Paulo no Morumbi pela 22.ª rodada.