Vasco se reforça com meia do Brasileirão e encontra dificuldades para manter xodó

No Vasco da Gama, Patrick deve ser opção para substituir Martín Benítez, que é um dos destaques do time

por Agência Futebol Interior

Rio de Janeiro, RJ, 14 (AFI) - O presidente do Grêmio, Romildo Bolzan, em entrevista à ESPN, confirmou o empréstimo do meia Patrick, de 21 anos, ao Vasco da Gama. Ele chega por empréstimo até o fim de 2021 e, com isso, estendeu seu contrato com o Tricolor por um ano.

No Vasco da Gama, Patrick deve ser opção para substituir Martín Benítez, que é um dos destaques do time. Na semana passada, a diretoria acertou a venda de Bruno César para o Penafiel, de Portugal.

Patrick não disputa uma partida oficial há quase dois meses. A última vez que entrou em campo foi no dia 12 de agosto, quando ficou apenas oito minutos contra o Ceará, pelo Brasileirão. Em 2020, foram nove jogos.

Revelado nas categorias de base do próprio Grêmio, Patrick não conseguiu deslanchar no profissional. Em 2018, o meia chegou a ser emprestado ao Criciúma, onde também não foi bem.

BENÍTEZ COBIÇADO

A permanência do argentino Benítez, que vem sendo o 'cérebro' do time, não será fácil. O Vasco tem prioridade na compra, mas terá que desembolsar 4 milhões de dólares (mais de R$ 22 milhões). Além disso, sofre concorrência de times da Turquia, Arábia Saudita e Rússia, segundo informou o diretor do Independiente, da Argentina, Jorge Damiani.

Outra novidade no Vasco deve ser confirmada nesta semana é a contratação do técnico português Ricardo Sá Pinto, ex-Sporting.