Presidente revela que clube do Brasileirão tem casos de Covid-19

Vasco realizou exames em jogadores, integrantes da comissão técnica, funcionários e até mesmo familiares dos atletas

por Agência Futebol Interior

Rio de Janeiro, RJ, 27 (AFI) - O Vasco tem jogadores contaminados pelo novo coronavírus. Alexandre Campello, presidente do clube carioca, não informou quantos são e nem o nome deles. O Vasco fez testes para voltar aos treinamentos de olho no reinício do Campeonato Carioca.

"Nós temos alguns resultados prontos. Outros, ainda não. Isso foi feito de maneira sequencial, então, uns saem antes dos outros. Sim, tem um número de atletas que foram, sim, contaminados. Como ocorreu em outros clubes. Isso demonstra que estar em casa não impede a contaminação", disse ele ao Esporte Interativo.

O Vasco realizou, entre sexta e segunda-feira, exames em jogadores, integrantes da comissão técnica, funcionários e até mesmo familiares dos atletas. Os testes foram de sorologia (exame de sangue) e de PCR (amostra de secreção no nariz).

Casos de Covid-19. (Foto: Paulo Fernandes / Vasco)
Casos de Covid-19. (Foto: Paulo Fernandes / Vasco)
EM CADEIA!

"O Vasco tem como postura testar todos os atletas. Com o protocolo, o nosso entendimento é de que damos mais segurança ao jogador do que ele tem em casa. Os jogadores fazem exercícios em casa, com auxilio de personal. Quem controla essas pessoas? Nós vamos testar os atletas, os familiares dele e alguns funcionários deles", explicou.

"E o que verificamos de cara nos exames? Não só no Vasco, mas isso é em todos os clubes. Identificamos que um funcionário de um dos nossos atletas estava contaminado. E a família do jogador não. Então, o que ia acontecer? Esse funcionário ia contaminar toda a família do nosso atleta. Com o controle, afastamos esse risco", completou.