Após treino sem Luxemburgo, Pikachu diz ainda acreditar em vaga na Libertadores

No momento, o Vasco ocupa a 11ª posição da tabela, com 44 pontos, seis abaixo do Corinthians, atual oitavo colocado

por Agência Estado

Rio de Janeiro, RJ, 25 - O título do Flamengo na Copa Libertadores surpreendentemente trouxe motivos de alegria para o Vasco. Ao conquistar o troféu, o rival rubro-negro ampliou a zona de classificação à competição sul-americana de 2020, transformando o G-7 do Brasileirão em G-8. E o lateral-direito Yago Pikachu não esconde que a equipe de São Januário segue com esperança de obter a tão sonhada classificação.

"Sinceramente, é o que a gente espera. Já ficamos mais próximos do G-7, desperdiçamos uma ótima oportunidade nesse último jogo que tivemos dentro de casa diante do Goiás. Matematicamente ainda temos chance e vamos tentar somar o máximo de pontos possível para tentar essa classificação", disse Pikachu, nesta segunda-feira.

SITUAÇÃO NO CAMPEONATO

Pikachu diz ainda acreditar em vaga na Libertadores. (Foto: Divulgação / Vasco)
Pikachu diz ainda acreditar em vaga na Libertadores. (Foto: Divulgação / Vasco)

No momento, o Vasco ocupa a 11ª posição da tabela, com 44 pontos, seis abaixo do Corinthians, atual oitavo colocado.

Pela situação atual do campeonato, o time paulista está garantindo sua vaga na Libertadores em razão da ampliação do G-6.

A zona de classificação aumentou por causa do Flamengo e também do Athletico-PR, com vaga automática por causa do título da Copa do Brasil - é o atual 5º colocado.

ESPERANÇA

Para Pikachu, a esperança segue em alta, mesmo depois do duro tropeço no Goiás, quando o time empatou por 1 a 1 após marcar gol contra, pela 33ª rodada.

"Sabemos que a distância é curta, não podemos mais ter esse tipo de erro. Lamentamos muito esse gol contra, do modo como foi, porque poderíamos estar numa situação bem mais confortável dentro da tabela. Temos que trabalhar para que esses erros não se repitam", pregou.

SEM LUXEMBURGO

O lateral concedeu a entrevista após um treino sem a presença do técnico Vanderlei Luxemburgo. O auxiliar Mauricio Copertino substituiu o treinador, que iniciou tratamento de um câncer de pele no rosto.

"Primeiro foi um susto, ele está diariamente com o grupo, mas logo em seguida nos tranquilizou e nos disse que não é nada grave", contou o jogador. Luxemburgo ainda não revelou publicamente nenhum detalhe sobre sua condição de saúde. O Vasco também não se pronunciou sobre a eventual ausência do técnico em treinos e jogos nesta reta final da temporada.

NA TORCIDA

Pikachu, por sua vez, disse que Luxemburgo se ausentará em "um ou dois jogos" e afirmou torcer pela renovação do contrato do treinador para 2020.

"Ele vai se ausentar um pouco de um ou dois jogos para estar 100%. Tomara que ele fique, a gente ainda não sabe se acertou a permanência par ao ano que vem."

"Mas espero que ele fique e esteja bem recuperado para que 2020 seja um ano de felicidade para todos nós."

SEMANA DE TREINOS

Há sete dias sem jogar, o Vasco não entra em campo desde o empate em 4 a 4 com o Flamengo, no dia 13. A partida, válida pela 34ª rodada, havia sido antecipada por causa da participação do rival na final da Libertadores, no sábado passado. Desde então, o time de São Januário vem se concentrando somente nos treinos.

PRÓXIMA PARTIDA

O time volta a campo na quinta-feira para enfrentar o São Paulo, no Morumbi, pela 35ª rodada. Um tropeço pode acabar com as chances de a equipe carioca conquistar a vaga na Libertadores de 2020.