Carioca: Maxi López minimiza sufoco na Bahia e prevê Vasco melhor diante do Resende

Nesta quinta, o atacante admitiu a atuação decepcionante da equipe contra o Juazeirense

por Agência Estado

Rio de Janeiro, RJ, 07 - O argentino Maxi López salvou o Vasco de um vexame na última quarta-feira, ao marcar nos acréscimos, de pênalti, o gol que garantiu a classificação diante do Juazeirense, na Bahia, pela Copa do Brasil. Nesta quinta, o atacante admitiu a atuação decepcionante da equipe, mas apostou em evolução para o duelo decisivo diante do Resende, domingo, no Maracanã, pelas semifinais da Taça Guanabara.

"O jogo contra o Resende vai ser bem diferente, com um campo bom. Isso é muito importante. Faz a diferença. Vamos fazer todo o possível para chegar na primeira final do ano", comentou o jogador, que reclamou bastante do estado do gramado em Juazeiro depois da partida de quarta.

Após se classificar com a melhor campanha da primeira fase da Taça Guanabara, Maxi López considerou que o Vasco tem aproveitado bem o Estadual como teste para o Campeonato Brasileiro.

Vasco por muito pouco não fez um vexame na Copa do Brasil
Vasco por muito pouco não fez um vexame na Copa do Brasil
EVOLUÇÃO!
"Acho que estamos construindo uma coisa muito boa. É a preparação para o Brasileirão. Acho que o Carioca é um bom teste para começar a formar um novo grupo. Esse processo e esses momentos difíceis são bons para testar o caráter do time."

E apesar do sofrimento diante do Juazeirense, o argentino viu pontos positivos na atuação do Vasco e considerou que a equipe mostrou maturidade ao não se desesperar durante o segundo tempo, quando perdia por 2 a 1 e estava sendo eliminada logo na estreia da Copa do Brasil.

"Vão ter muitos momentos de dificuldade. O importante não é como você cai, mas como você pega esse momento ruim e reage. A gente tem que aprender, amadurecer. Sabemos que temos que jogar 100% contra times pequenos. É uma cobrança interna nossa", apontou.

 
 
" />