Willian Maranhão, contratado há 1 mês, pede que Vasco transforme boas atuações em vitórias

"Estamos vindo de boas atuações, mas precisamos transformar esse bom desempenho em vitórias", afirmou o jogador que veio do Santa Cruz

por Agência Estado

Rio de Janeiro, RJ, 04 - Titular do Vasco nas últimas partidas, Willian Maranhão concedeu nesta quinta-feira sua primeira entrevista coletiva pelo clube. Aos 22 anos, o jogador contratado há um mês junto ao Santa Cruz já se vê no ambiente de pressão criado pela péssima campanha no Campeonato Brasileiro.

Mas, assim como seus companheiros, ele considerou que o time cruzmaltino tem apresentado evolução nos últimos jogos. "Estamos vindo de boas atuações, mas precisamos transformar esse bom desempenho em vitórias", apontou o jogador.

PRECISA MELHORAR
Com apenas uma vitória nos últimos jogos, o Vasco empatou três das últimas quatro partidas. Maranhão sabe que é preciso dar um passo além e acredita que isso possa acontecer já no clássico com o Botafogo, terça que vem, no Engenhão.

"Começamos a estudar o Botafogo logo depois da partida contra o Paraná. Nosso grupo está bem ligado e vem pensando exclusivamente no clássico dessa terça-feira. Temos tudo para fazer um bom jogo, mas para isso precisamos nos impor. Nossa situação não é confortável, mas temos certeza que iremos sair dessa e subir na tabela", afirmou.

Willian Maranhão concedeu nesta quinta-feira sua primeira entrevista coletiva pelo clube (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco da Gama)
Willian Maranhão concedeu nesta quinta-feira sua primeira entrevista coletiva pelo clube (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco da Gama)
Willian Maranhão concedeu nesta quinta-feira sua primeira entrevista coletiva pelo clube (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco da Gama)
Willian Maranhão concedeu nesta quinta-feira sua primeira entrevista coletiva pelo clube (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco da Gama)

SOBRE O CLÁSSICO
Além da pressão natural de um clássico, trata-se de um confronto direto na tabela. O Vasco ocupa a 16.ª colocação, com 30 pontos, um acima da zona de rebaixamento. Um triunfo não só afasta a equipe da degola como a cola no Botafogo, 12.º lugar com 33 pontos.

A seu favor, o time cruzmaltino tem a pressão sobre o rival, eliminado da Copa Sul-Americana na última quarta-feira após a queda nos pênaltis para o Bahia, em pleno Engenhão.

"Clássico é sempre um campeonato à parte. Estamos trabalhando forte e acredito que iremos fazer uma boa apresentação na terça-feira. Nosso objetivo é sair de lá com os três pontos. O Botafogo vem um pouco mais pressionado pela eliminação, mas nós também precisamos vencer, como disse antes. Consideramos esse jogo fundamental, pois podemos ultrapassá-los em caso de vitória", comentou Maranhão.

 
 
" />