Recuperado, Castán deve reforçar defesa do Vasco contra Flamengo: 'Muito feliz'

O zagueiro está recuperado de uma luxação no ombro direito e foi relacionado pelo treinador para o clássico contra o Flamengo

por Agência Estado

Rio de Janeiro, RJ, 13 - O técnico Alberto Valentim poderá contar com o retorno de Leandro Castán à zaga do Vasco no clássico diante do Flamengo, sábado, às 19 horas, pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro. O zagueiro está recuperado de uma luxação no ombro direito e foi relacionado pelo treinador para o jogo do fim de semana e que vai ser disputado no Mané Garrincha.

Livre da lesão, Castán celebrou o retorno logo em um clássico, o seu primeiro na trajetória pelo Vasco. "Estou muito feliz por voltar e ficar novamente à disposição. Eu vim para o Vasco para jogar e ajudar o time a sair dessa situação incômoda. Nada melhor que iniciar uma arrancada num jogo dessa importância, numa partida que todo mundo quer jogar."

QUER GANHAR
Castán reconhece o melhor nível técnico do tradicional rival, mas confia no poder de superação de seus companheiros. "Mesmo atravessando um momento difícil, iremos encarar essa partida com muita confiança para sairmos de campo com a vitória. Queremos embalar no Brasileiro e vejo esse jogo como fundamental."

Contratado junto à Roma, da Itália, Castán não atuava desde abril, quando defendia o Cagliari, por empréstimo. Chegou ao Vasco e disputou duas partidas, diante de Palmeiras e Ceará antes de sofrer a lesão. Agora, então, espera emplacar uma sequência na equipe e ajudá-la a se recuperar.

Leandro Castán deve reforçar o elenco para o clássico contra o Flamengo (Foto: Carlos Gregório/Vasco/Divulgação)
Leandro Castán deve reforçar o elenco para o clássico contra o Flamengo (Foto: Carlos Gregório/Vasco/Divulgação)

AMEAÇADO
O Vasco soma 24 pontos e está ameaçado de rebaixamento. O time de São Januário não vence há quatro rodadas no Brasileirão. Foram sete gols tomados e apenas um convertido nesses tropeços.

HOMENAGEM
Antes do treino desta quinta-feira, os jogadores e membros da comissão técnica fizeram uma homenagem a Isaque Soares Souza, de 14 anos, ex-atleta do futebol de base do clube, que morreu na madrugada, no Rio, vítima de câncer ósseo.

 
 
" />