Pleno muda decisão e STJD suspende técnico do Vasco por dois jogos

Milton Mendes foi expulso no jogo contra o Corinthians após usar palavras fortes contra os árbitros

por Agência Estado

Rio de Janeiro, RJ, 13 - Absolvido em primeira instância, o técnico Milton Mendes foi punido pelo Pleno do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) nesta quinta-feira com suspensão de dois jogos por descumprir gancho automático após ser expulso na partida contra o Corinthians, no dia 7 de junho, pela 5ª rodada do Brasileirão.

Pela decisão inicial, Milton Mendes foi absolvido. Porém, no julgamento desta quinta, o Pleno puniu o técnico do Vasco com dois jogos de gancho por maioria de votos. Eles decidiram que o treinador não cumpriu a suspensão automática ao passar orientações aos integrantes da comissão técnica ao longo da partida.

"Houve uma confissão de um atleta, mas é inquestionável, induvidoso e muito claro todo o procedimento informado pelo técnico para chegar ao banco de reservas, bem como que esteve no vestiário para orientar os jogadores", declarou o procurador do STJD, Felipe Bevilacqua, citando ainda que câmeras de TV flagraram as orientações de Mendes.

"Estou certo e convencido de que as imagens produzidas pela Procuradoria de fato mostra que o técnico não cumpriu a suspensão de forma adequada e transmitiu recados na beira do campo. Ao técnico Milton Mendes aplico a pena de duas partidas no artigo 258", disse o auditor Otávio Noronha, relator do processo.

Com a punição, o treinador não poderá comandar o Vasco nas partidas contra o Santos, no domingo, no Engenhão, e contra o São Paulo, na quarta-feira que vem, no Morumbi.

aaa