Série C: Árbitro faz lambança e corrige expulsão errada em súmula

Juiz identificou a numeração errada na expulsão de Uesles no jogo entre Treze-PB e Jacuipense-BA

por Agência Futebol Interior

Campina Grande, PB, 25 (AFI) - Na última partida do Treze-PB contra o Jacuipense-BA, válida pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série C, o árbitro Wanderson Alves de Souza expulsou Uesles, mas atribuiu na súmula o cartão para Alisson Cassiano. Dois dias depois o juiz fez uma retificação e corrigiu o erro que havia cometido. Portanto, Alisson poderá jogar a próxima partida contra o Vila Nova-GO.

Alisson poderá ficar a disposição para o próximo jogo contra o Vila Nova. Foto: Divulgação/ Treze
Alisson poderá ficar a disposição para o próximo jogo contra o Vila Nova. Foto: Divulgação/ Treze

SITUAÇÃO

O árbitro da partida assumiu o erro e explicou que na hora de expulsar Uesles, que estava no banco, o jogador se recusou a virar as costas para mostrar a numeração. Como ele estava de colete com o número 15 estampado, foi o que Wanderson anotou.

O problema foi que ele não percebeu que na verdade a 15 era de Alisson Cassiano que estava em campo e não teve nada a ver com o lance. Uesles tinha o número 16 nas costas e acabou se livrando da punição até a retificação feito por Wanderson.

EFEITO SUSPENSIVO

Antes do árbitro voltar atrás na decisão, o Treze já planejava entrar com recurso no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) pedindo o efeito suspensivo de Alisson. Com retificação da súmula, no entanto, a equipe não precisará mais entrar na justiça e contará com o defensor para a próxima partida da Série C.

PRÓXIMO CONFRONTO

O Treze tem uma partida muito importante no sábado. O time enfrenta o Vila Nova pela 17ª rodada da Série C do Brasileiro. Um empate ou derrota, combinado com outros resultados, pode decretar o rebaixamento da equipe antecipadamente.