Série C: Novo técnico diz que Tombense pode brigar pelo acesso: 'Vou vender minha ideia'

Eugênio Souza projeta uma campanha de reação na reta final do Brasileiro

por Agência Futebol Interior

Tombos, MG, 08 (AFI) - O técnico Eugênio Souza chegou ao Tombense nesta segunda-feira para a terceira passagem pelo clube, desta vez como sucessor de Ricardo Drubscky, demitido após derrota para o Paysandu. Apesar de o time mineiro estar mais perto do Z2 do Grupo B da Série C do que da zona de classificação, o discurso do novo comandante é o de brigar pelo acesso.

“Eu venho muito motivado. Com essa expectativa de trabalhar, se dedicar ao máximo para colocar o Tomense entre os quatro e depois brigar por um acesso. Tenho certeza que é o objetivo da direção e tem que ser o dos atletas também. Com eu estou chegando, eu vou vender a minha ideia, vou trabalhar isso com eles de uma forma bem incisiva”, afirmou o treinador em entrevista ao repórter Hércules Freitas, da Rádio Mais FM 92,7.

Eugênio Souza (de óculos) é o novo técnico do Tombense. (Foto: Hércules Freitas)
Eugênio Souza (de óculos) é o novo técnico do Tombense. (Foto: Hércules Freitas)

“Nós temos ainda três jogos dentro de casa e quatro fora. Eu acho que os jogos contra Remo e Juventude os mais emocionantes, considerados mais difíceis. Por questões de torcida e pressão, aí que é dá gosto de jogar. Tenho que colocar isso na cabeça dos atletas para que eles possam render o máximo”, completou.

CENÁRIO
O Tombense é o sétimo colocado do Grupo B, com 12 pontos, apenas dois a mais que o Luverdense, primeiro time dentro da zona de rebaixamento. A distância para o Paysandu, último do G4, com 17, é de cinco pontos. O próximo compromisso será nesta quinta-feira, no Almeidão, contra o Volta Redonda.