Atacante de time da Série B é esperado para depor após confusão em balada

Sem atuar desde o dia 31 de agosto, Juninho se envolveu em uma briga na noite do último sábado

por Agência Futebol Interior

Recife, PE, 05 (AFI) - Sem disputar uma partida oficial desde o dia 31 de agosto, o atacante Juninho voltou a se envolver em uma confusão extra-campo no último sábado, em uma balada na zona norte de Recife.

O jogador do Sport de apenas 20 anos brigou com um homem que teria ofendido a acompanhante de Juninho e acabou sendo retiro da balada. Durante uma confusão, uma arma foi sacada e a polícia está investigando o caso.

As imagens da balada não mostram nenhuma arma durante a briga, mas a polícia aguarda o depoimento do jogador nesta quarta-feira. O gerente da balada, testemunhas e o segurança também serão ouvidos.

Juninho se envolveu em confusão no último sábado (Foto: Sport Recife)
Juninho se envolveu em confusão no último sábado (Foto: Sport Recife)
NÃO É A PRIMEIRA VEZ

Em 2017, Juninho acabou sendo indiciado por agressão e ameaça a sua ex-namorada, sendo liberado depois de pagar R$ 10 mil de fiança.

O caso, porém, ainda não foi encerrado pela Justiça e causou problemas para o atacante. Ponte Preta e Corinthians, por exemplo, descartaram sua contratação por esse motivo.

SEM JOGAR
A última vez que Juninho esteve em campo foi no dia 31 de agosto, no empate sem gols com o Oeste. Uma semana depois, o atacante foi relacionado para o jogo contra o Bragantino e desde então sequer tem ficado como opção no banco de reservas.

Revelado pelo Sport, Juninho tem apenas 20 anos e viveu seu melhor momento em 2017, quando disputou 30 jogos e marcou seis gols. No ano seguinte, foi emprestado ao Ceará. Nesta temporada, o atacante tem 20 partidas e um gol.