Série B: Guto Ferreira quer ficar, mas situação segue indefinida no Sport

Treinador faturou o acesso à Série A e já garantiu o vice-campeão ao Leão da Ilha

por Agência Futebol Interior

Recife, PE, 28 (AFI) - O futebol brasileiro entrou na fase de especulação, negociação e indefinição. Após conquistar o acesso na Série B do Campeonato Brasileiro, o técnico Guto Ferreira pretende seguir no comando do Sport em 2020. Mas as tratativas são longas e, por enquanto, não tem nada definido.

"Já demonstrei interesse de permanecer desde o primeiro momento, na hora de conversar não é simplesmente ‘papum’. As pessoas estão ansiosas e tem detalhes que se não acertar agora, depois não se acerta, as coisas estão andando e a tendência é que tudo aconteça. Mas é ter paciência que no momento certo, tudo acontece", disse o treinador que ainda fará mais um jogo pelo Rubro-negro.

Suando de ansiedade e expectativa! (Foto: Anderson Stevens / Sport)
Suando de ansiedade e expectativa! (Foto: Anderson Stevens / Sport)
O Leão se despedirá da Série B no sábado, às 16h30, contra o Atlético-GO que sonha com o acesso. O jogo será em Goiânia. O lenga-lenga da negociação, como de costume, é dinheiro. Apesar de Guto dar o discurso padrão de que não é tão importante assim.

"Isso (salário) é uma coisa muito particular. E a questão de percentual também. Tá muito próximo, é um detalhe daqui e dali. Como executaremos determinados trabalhos, como organizar determinadas situações. Não é só o lado financeiro. A diferença é mínima, hoje é fácil de encaixar. Mas tem uns detalhe aí. Eu não crio expectativas, isso pode surpreender ou frustrar. Quando você não cria expectativas, sempre pode surpreender positivamente. Então, eu não crio", finalizou.

O Sport, com 67 pontos, já é o vice-campeão da Série B.