Sport tenta "jogada no tapetão" para derrubar o Ceará

A diretoria rubronegra protocolou uma notícia de infração no STJD pedindo punição ao Vozão pela utilização de Ernandes

por Agência Futebol Interior

Recife, PE, 10 (AFI) - A última rodada do Brasileirão aconteceu no dia 2 de dezembro, mas o campeonato ainda não acabou. Rebaixado para a Série B, o Sport enviou nesta segunda-feira uma notícia de infração ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) pedindo a perda de pontos do Ceará pela escalação irregular do lateral-esquerdo Ernandes.

Na semana passada, a Ponte Preta levantou a suspeita de que o jogador estaria usando um documento falso e protocolou uma notícia de infração contra o Goiás no STJD. Ernandes atuou em 31 partidas na Série B do Brasileiro e, caso a Procuradoria entenda que o clube goiano teve culpa, a última vaga no G4 ficaria com os paulistas.

Ernandes defendeu o Ceará na primeira rodada do Brasileirão antes de se transferir para o Goiás
Ernandes defendeu o Ceará na primeira rodada do Brasileirão antes de se transferir para o Goiás
Alertado pela Ponte Preta, o Sport também protocolou a notícia de infração assinada pelo presidente Arnaldo Barros, mas pedindo punição ao Ceará. Isso porque, antes de se transferir para o Goiás, Ernandes defendeu o clube cearense na primeira rodada do Brasileirão - vitória sobre o Santos por 2 a 0.

A diretoria rubronegra espera que o Ceará seja punido com a perda dos três pontos e, se isso acontecer, o Sport escaparia do rebaixamento para a Série B. O time pernambucano terminou na 17ª colocação, com 42 pontos, enquanto os cearenses ficaram na 15ª colocação, com 44.

A expectativa é que a Procuradoria do STJD se posicione sobre o caso ainda essa semana e, se a denúncia for arquivada, o Sport já pediu que o Procurador Geral faça um reexame da matéria de infração.

ENTENDA O CASO

Segundo informações do jornalista Pedro Orioli, da Rádio Central, de Campinas, Ernandes nasceu no dia 11 de novembro de 1985 e tem sua certidão autenticada em São Félix do Araguaia, no Mato Grosso – documento confirmado pelo 2º Cartório da cidade. Mas há também outra certidão de nascimento do dia 11 de novembro de 1987 e que foi usada pelo jogador como original.

No Boletim Informativo Diário (BID) da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Ernandes Dias Luz nasceu no dia 11 de novembro de 1987, ou seja, como consta no segundo documento – que ainda não teve constatada sua originalidade. Se a certidão de nascimento foi realmente falsificada, tanto o jogador, quanto o clube podem ser punidos pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) como prevê o Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD).