Seleção FI da Série B tem domínio do Guarani, meia da Ponte e muito mais

O Guarani emplacou dois jogadores e o técnico Daniel Paulista após a goleada sobre o Operário, fora de casa

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 07 (AFI) - A segunda rodada do Campeonato Brasileiro da Série B terminou com Náutico e Brusque como os únicos com 100% de aproveitamento. O time catarinense bateu o Londrina, por 1 a 0, mesmo resultado do triunfo do Timbu em cima do Vitória.

A seleção foi formada no tradicional 4-4-2, com um volante de contenção, três meias avançados e dois atacantes. Destaque para o Guarani, que emplacou três jogadores na equipe da segunda rodada.

O técnico escolhido para comandar a equipe só poderia ser Daniel Paulista, um dos responsáveis pela goleada do Guarani para cima do Operário, que vinha entusiasmado após bater o Vasco da Gama. O treinador está apenas no início do trabalho, mas empolgou a torcida bugrina.

CONFIRA ABAIXO A SELEÇÃO DA 2ª RODADA DA SÉRIE B:

Goleiro: Georgemy (Vila Nova)
O Avaí foi bem superior ao Vila Nova na Ressacada, mas não conseguiu a vitória porque encontrou uma muralha pela frente. Georgemy não tinha o que fazer no gol de Bruno Silva, mas evitou que a rede colorada fosse balançada mais vezes. Nos minutos finais, por exemplo, o goleiro do Tigre fez dois milagres.

Thiago Ennes foi um dos destaques do Remo
Thiago Ennes foi um dos destaques do Remo

Lateral-direito: Thiago Ennes (Remo)
Como não teve muito trabalho lá atrás por causa da deficiência apresentada pelo Brasil de Pelotas no ataque, Thiago Ennes foi presença constante no ataque e contribuiu para a vitória do Remo com um cruzamento perfeito para Renan Gorne desviar de cabeça.

Zagueiro: Claudinho (Brusque)
O Brusque venceu a segunda partida consecutiva na Série B e contou com ótima apresentação de Claudinho para vencer o Londrina por 1 a 0, em Londrina. O zagueiro foi muito bem durante os 90 minutos com desarmes e importantes orientações aos seus companheiros.

Zagueiro: Joécio (Sampaio Corrêa)
O CSA tentou a vitória do início ao fim no último sábado, mas não conseguiu balançar as redes do goleiro Mota, pois encontrou uma zaga bem postada. Joécio ganhou praticamente todos os lances por cima e por baixo, sendo um dos destaques do empate sem gols conquistado pelo Sampaio Corrêa em Maceió.

Lateral-esquerdo: Bryan (Náutico)
O Náutico fez uma partida segura defensivamente e conseguiu bater o Vitória por 1 a 0 para seguir com 100% de aproveitamento. Um dos destaques foi o lateral Bryan, que controlou o setor e ainda foi uma válvula de escape da equipe durante toda a partida.

Volante: Bruno Silva (Guarani)
É um dos jogadores mais importantes do atual elenco, não só pelo espírito de liderança, mas pelo que vem fazendo dentro de campo. Aumenta a qualidade na saída de bola e contra o Operário ainda apareceu no ataque para marcar um golaço com um chute de fora da área no ângulo de Simão.

Bruno Silva foi eleito o volante da rodada
Bruno Silva foi eleito o volante da rodada

Volante: Bruno Silva (Avaí)
Assim como seu xará bugrino, Bruno Silva é peça fundamental no esquema tático de Claudinei Oliveira no Avaí. Contra o Vila Nova, fez uma das suas melhores partidas na temporada. Ajudou na marcação e na saída de bola, além de aparecer no ataque. Tanto que foi ele quem abriu o placar ao completar cruzamento de Marcos Serrato.

Meia: Renatinho (Ponte Preta)
Estava devendo uma boa partida com a camisa da Ponte Preta desde o seu retorno e ela veio contra o Vasco da Gama. Mais livre com o novo esquema de Gilson Kleina e sem precisar marcar lateral, Renatinho foi muito bem enquanto teve fôlego e apareceu dentro da área para marcar o gol de empate da Macaca logo depois do Gigante da Colina abrir o placar.

Meia: Diego Torres (CRB)
Bastante elogiado durante a transmissão na Sportv, Diego Torres foi o destaque na importante vitória do CRB sobre o Cruzeiro, por 4 a 3, em pleno Mineirão. O camisa 10 cobrou o escanteio que originou o gol de Marthã e deixou a sua marca contando com a sorte em cobrança de falta. Além disso, ditou o ritmo do Galo da Pajuçara.

Davó tem brilhado com a camisa do Guarani. Foto: Letícia Martins / EC Vitória
Davó tem brilhado com a camisa do Guarani. Foto: Letícia Martins / EC Vitória

Atacante: Davó (Guarani)
Foi o melhor jogador em campo na goleada do Guarani sobre o Operário, por 5 a 2, em Curitiba, pela segunda rodada da Série B. Deu duas assistências - para os gols de Bruno Sávio e Bruno Silva - e ainda deixou a sua marca ao aproveitar falha de Rodolfo Filemon. Sem contar que infernizou os zagueiros do Fantasma.

Atacante: Alef Manga (Goiás)
Destaque do Campeonato Carioca pelo Volta Redonda, Alef Manga desencantou com a camisa esmeraldina na vitória sobre o Confiança, por 2 a 0. No começo do primeiro tempo, abriu o placar ao arriscar de fora da área e contar com o "morrinho artilheiro". Além disso, incomodou bastante os zagueiros adversários com a sua velocidade.

Técnico: Daniel Paulista (Guarani)
O Guarani fez uma partida praticamente perfeita no Estádio Couto Pereira e manteve a invencibilidade neste início de Série B ao golear o Operário, por 5 a 2. Apesar do pouco tempo de trabalho sob o comando de Daniel Paulista, o time parece ter assimilado a filosofia, com uma marcação forte e saída em velocidade.

Daniel Paulista é o técnico da seleção FI. Foto: THOMAZ MAROSTEGAN / GUARANI FC
Daniel Paulista é o técnico da seleção FI. Foto: THOMAZ MAROSTEGAN / GUARANI FC